Gerenciar as birras de uma criança sem levantar a voz: veja como fazer - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Gerenciar as birras de uma criança…
Tirar os sapatos antes de entrar em casa não é só uma questão de educação: veja outros três bons motivos para ter esse hábito Ficar de mau humor faz você aumentar de peso, palavra de nutricionista

Gerenciar as birras de uma criança sem levantar a voz: veja como fazer

6.387
Advertisement

Você está em casa e por 5 minutos seu filho de dois anos não para de gritar, chorando feito louco e batendo os pés no chão. Você tentou, em vão, explicar-lhe, num tom normal de voz, as razões pelas quais deveria parar imediatamente com a histeria, e agora sua paciência chegou ao limite. Você não aguenta mais, afinal são cinco minutos que você tenta sair dessa situação; e então você grita. Você grita para que a sua voz finalmente domine a dela, para que tenha medo e pare, e porque, simplesmente, você precisa desabafar.

Mas ele, inexorável, continua. Como fazer ele parar, sem se transformar em uma pessoa que grita?

image: pixabay

Uma criança que chora desesperadamente, chutando e chorando, está mostrando, com as ferramentas à sua disposição, que algo ao seu redor não vai como ela gostaria; no entanto, a idade e a crise do choro - durante as quais o cérebro deixa de se comunicar com os lobos frontais, a área do autocontrole - impedem que ela se expresse de maneira diferente. Portanto, você deve partir do pressuposto que, naquele momento, seu filho não consegue ouví-lo, porque seu cérebro está bloqueado.

Assim como quando os recém-nascidos choram desesperadamente por fome, é necessário tranquilizar seu filho - e a melhor maneira de fazer isso é criar um ambiente no qual ele se sinta seguro. Como?

image: jble.af.mil

Sente-se no chão e fique perto dele; se ele estiver socando e chutando, não o abrace, mas segure a mão dele e a mantenha apertada na sua, porque assim ele deixa de perceber você como uma ameaça - um sentimento que aumenta se você estiver gritando. Algumas estratégias podem ajudar você a gerenciar melhor a situação:

  • não interprete suas birras como algo pessoal contra você;
  • respire nos momentos de estresse diário, para se acostumar a sua mente;
  • lembre-se que os limites a serem definidos são aqueles que garantem a segurança de todos;
  • tente entender o que seu filho está tentando expressar - geralmente sono, fome ou alguma emoção estranha para ele.

Portanto, arme-se com muita paciência e de abraços para quando ele parar de chorar.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado