Ter uma irmã "tagarela" deixa a depressão bem longe... é o que diz a ciência! - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Ter uma irmã "tagarela" deixa a depressão…
Magnésio: alguns bons motivos para não deixá-lo faltar na sua dieta diária Sorvete de leite materno: o melhor remédio para acalmar as dores na gengiva quando os dentinhos do bebê estão nascendo

Ter uma irmã "tagarela" deixa a depressão bem longe... é o que diz a ciência!

1.896
Advertisement

Na dinâmica relacional e no desenvolvimento dos indivíduos, cada membro da família tem um papel importante e diferente dos demais. Os pais têm a tarefa de educar e indicar o caminho a seguir, mas irmãos e irmãs são os companheiros de viagem que podem tornar a vida mais bonita e menos cansativa. Essas duas últimas figuras enfocam os estudos de Laura Padilla-Walker, pesquisadora e professora da Universidade Brigham Young.

image: Pixabay.com

Em detalhe, a Dra. Walker descobriu que, embora mãe e pai sejam as principais figuras de referência para todas as crianças, um irmão ou irmã pode ter uma influência ainda maior. Especificamente, os efeitos são vistos do ponto de vista do desenvolvimento da personalidade. Os dados surgiram após uma pesquisa realizada em uma amostra de 395 famílias com mais de um filho e com pelo menos uma criança entre 10 e 14 anos de idade. Em todos esses casos, a presença de um irmão ou irmã teve efeitos decisivos sob todos os pontos de vista.

As vantagens de contar com membros quase da mesma idade são maior segurança, autoestima, generosidade, altruísmo e bondade. Talvez devido à convivência com um sujeito considerado igual e inserido na dinâmica diária de interação, as crianças se tornaram mais saudáveis ​​e autônomas. Outro elemento interessante também foi observado, ou seja, que todas as crianças com irmãs mais velhas ou mais novas tinham muito menos probabilidade de desenvolver depressão na infância ou na idade adulta.

De fato, notou-se que foi o sexo da outra criança, menor ou maior, que modificou a incidência desses transtornos de humor. A irmã é, portanto, capaz de gerar maior bem-estar, aliviando a tristeza e a solidão. A razão pode estar na propensão empática das mulheres de serem mais ternas e compreensivas com seus irmãos homens, tornando-se suas amigas e confidentes. Além disso, muitas vezes uma irmã tende a ser mais aberta, a falar mais e a compartilhar: todos os aspectos que afastam os comportamentos propensos à depressão e ao isolamento.

Um pouco como ter uma segunda mãe disponível, mas com quem não há constrangimento ou conflito geracional. Em suma, ter uma irmã é equivalente a ter um grande recurso a mais na própria vida. 

 

Source: https://news.byu.edu/news/sisters-give-siblings-better-mental-health

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado