Um homem e sua esposa adotam as 5 filhas da irmã que faleceu por causa do Coronavírus: "é a nossa missão" - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Um homem e sua esposa adotam as 5 filhas…
Eles se casam no cais de um lago e, na hora de trocar as alianças, o anel da noiva cai na água: a cena é surreal

Um homem e sua esposa adotam as 5 filhas da irmã que faleceu por causa do Coronavírus: "é a nossa missão"

16 Abril 2021 • Por Roberta Freitas
2.753
Advertisement

A pandemia do Coronavírus, que atingiu o mundo inteiro, deixou a economia de muitos países de joelhos mas, acima de tudo, destruiu a vida de muitas pessoas. Por mais injusto que seja, o Covid-19 age indiscriminadamente e, por esse motivo, devemos tentar evitá-lo com todos os meios possíveis. Claro, nem todos os casos de positividade se traduzem em tragédias mas, infelizmente, muitos deles acabaram de um modo que não gostaríamos de ter que contar. É o caso da jovem Jasmine Trujillo, uma mãe solo de 33 anos que, infelizmente, não sobreviveu: sua vida foi destruída pelo vírus traiçoeiro e suas 5 filhas ficaram repentinamente sem mãe. A única nota positiva nesta história é que o irmão de Jasmine e sua mulher decidiram dar as boas-vindas às cinco sobrinhas em sua própria casa. Uma família extensa que, felizmente, pode encontrar um pouco de paz de espírito.

via: ncb12

Ninguém esperava que Jasmine Trujillo, de apenas 33 anos, falecesse: seu irmão, Fidencio Jacobo, não podia permitir que suas cinco sobrinhas ficassem sem família. O risco era que as meninas, todas com idades entre 6 e 15 anos, fossem separadas e confiadas a várias famílias, antes que pudessem ser adotadas um dia. Fidencio e sua esposa Crystal Jacobo não podiam permitir que isso acontecesse! Mesmo que a vida de 8 pessoas sob o mesmo teto em um pequeno apartamento de três cômodos não seja a melhor, ainda era a única maneira de manter a família unida. Em casos como esse, a única coisa que importa mesmo é ficarmos juntos.

Jasmine Trujillo

image: GoFund Me

As meninas disseram que estavam entusiasmadas em ir morar com o tio e a tia, mas certamente não esqueceram o que aconteceu: todas estão atormentadas pelo fato de não terem podido se despedir da mãe pela última vez. Ninguém deve jamais enfrentar esse trauma, especialmente com essa idade.

Todas as noites, as meninas "coversam" com a mãe em uma espécie de oração: "Digo a minha mãe que a amo. Digo que pelo menos ela não está mais sofrendo e que eu estava mal pelo fato de que quando ela estava sofrendo, ela não podia me dizer que me amava... Mas ela me mandou um beijo através da máscara", disse Jazlynn Trujillo, uma das filhas de Jasmine.

Advertisement

A mulher do tio Fidêncio afirma ter o dever de receber as sobrinhas em casa: “Depois da tempestade, sempre há um arco-íris. Mesmo que a mãe delas não esteja mais aqui, elas têm uma família que as ama e que sempre estará ao lado delas. Se tivermos a chance de impactar suas vidas, então acho que essa é a nossa missão", disse Crystal Jacobo emocionada. Nós, esperamos que esta família extensa possa se recuperar desta terrível experiência!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado