Professor instala um berço em seu escritório para permitir que a nova mãe acompanhe as aulas - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Professor instala um berço em seu escritório…
Cachorro abandonado é adotado por um posto de gasolina e Ela pensou que não poderia ter filhos, mas de repente dá à luz no banheiro depois de uma noite com os amigos

Professor instala um berço em seu escritório para permitir que a nova mãe acompanhe as aulas

23 Junho 2021 • Por Roberta Freitas
938
Advertisement

Imagine ser uma nova mãe, ter que cuidar do seu filho sem abrir mão da vida profissional e privada: em muitos casos, o dom da onipresença seria muito conveniente, em outros uma ajudinha não faria absolutamente nenhum mal a essas mães ocupadas que acham difícil combinar maternidade e trabalho remunerado. A história de Karen Cunningham é um excelente exemplo disso, mesmo que ela tenha um final feliz para se inspirar!

Karen Cunningham é uma estudante de 29 anos do Massachuessetts Institute of Technology (MIT) e recentemente teve uma linda menina chamada Katie; agora que a menina completou 10 meses, a mãe decidiu voltar a seguir as aulas da universidade, ainda que com as necessidades da criança fosse muito difícil conciliar tudo.

Via de regra, o campus do MIT também oferecia creche para todos os alunos que precisavam assistir às aulas e não sabiam onde deixar o filho, mas devido à pandemia de Covid-19 foi temporariamente fechada: como Karen teria feito para combinar o trabalho da mãe com seus deveres acadêmicos?

Seu professor Troy Littleton pensou em uma ideia brilhante e muito altruísta; para garantir que sua aluna pudesse assistir às aulas e realizar suas pesquisas em seu laboratório, pediu aos outros alunos de graduação ou pós-graduação que fizessem uma arrecadação para comprar um berço para ser instalado na sala do professor, para que a nova mãe pudesse exercer suas funções no laboratório sem ter que desistir de sua filha.

O professor Littleton disse: "Normalmente, em épocas sem pandemia, sempre organizamos pequenas festas para mães e pais que esperam um bebê para lhes dar presentes, mas não pudemos fazer isso com Karen devido à pandemia, então este berço foi uma espécie de presente para Karen, com 10 meses de atraso!"

Advertisement

Certamente, o horário do laboratório, que vai de segunda a sexta, das 9 às 17, era muito ruim para as novas necessidades da mamãe Karen, por isso o professor e os demais alunos acharam que uma solução prática poderia ser trazer a pequena Katie diretamente até eles, onde ela seria embalada e mimada conforme necessário pelos outros colegas e pelo próprio Troy Littleton.

Claro, Karen Cunningham ficou mais do que feliz em encontrar aquela caminha novinha em folha dentro da sala do professor; foi um gesto muito nobre e altruísta, do qual a nova mãe sempre se lembrará com carinho: "Agora eu sei que minha filha nunca estará sozinha enquanto eu tiver que cumprir minhas funções no laboratório. Pelo menos até ela ir para o jardim de infância neste outono!"

O que você acha da ideia que esse professor altruísta e colegas dessa mãe carinhosa tiveram?

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado