Barbeiro se deita no chão para tranquilizar uma criança autista que tinha ido cortar o cabelo - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Barbeiro se deita no chão para tranquilizar…
Noivo fotografado na hora do corte do bolo de camiseta e bermuda: Ele raspa a barba depois de 8 anos e deixa todos pasmos: até mesmo para sua esposa ficou difícil reconhecê-lo

Barbeiro se deita no chão para tranquilizar uma criança autista que tinha ido cortar o cabelo

14 Outubro 2021 • Por Roberta Freitas
1.248
Advertisement

Crianças que sofrem de autismo certamente têm mais dificuldade de se relacionar com o mundo exterior, especialmente se, como o pequeno Mason, sofrerem de sobrecarga sensorial, ou seja, quando um ou mais dos sentidos do corpo percebem a superestimulação do ambiente externo, o que pode ser natural ou induzido artificialmente. Por causa disso, até mesmo algumas atividades diárias simples parecem se tornar impossíveis para eles. Os pais de Mason, um menino autista, estavam lutando para encontrar um barbeiro que pudesse cortar o cabelo de seu filho sem fazê-lo se agitar muito. No final, James Williams, também conhecido como "Jim the Trim", conseguiu o feito graças a um truque usado para tranquilizar a criança: o barbeiro se deitou no chão com ele e conseguiu cortar o seu cabelo.

via: BBC

A cena foi filmada e percorreu a web em pouco tempo, fazendo de Jim uma verdadeira estrela, além de um modelo a seguir em termos de compromisso com seu ofício e sua sensibilidade. Os pais do Pequeno Mason ficaram muito felizes com este pequeno grande marco. O barbeiro também agradeceu aos pais de Mason: "Eu realmente quero agradecer a Jamie Lewis Denine Davies por me deixar postar estas fotos em meu perfil". Cortar o cabelo do pequeno Maon não foi tarefa fácil, porque o bebê fugia o tempo todo assim que a tesoura tocava sua orelha.

O barbeiro, porém, não desistiu e, na enésima tentativa, decidiu se deitar no chão exatamente como a criança estava fazendo. No silêncio geral, o pequeno Mason parecia ter se acalmado e permitido que Jim se aproximasse com uma tesoura. No final do corte de cabelo, James pediu ao menino um "high five" com a mão, em sinal de vitória: um lindo jogo de equipe!

Quantos profissionais do setor teriam tentado de tudo para que uma criança com dificuldade cognitiva se sentisse confortável? Certos gestos não vêm nem mesmo de professores na escola, muito menos em outros contextos.

Advertisement

Este barbeiro, no entanto, não se conteve e deu aos pais de Mason um sorriso, bem como um corte de cabelo para o pequeno.

Parabéns a este homem: um verdadeiro profissional, dotado de muita sensibilidade!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado