Mesmo com a proibição do dono da casa, esta mulher conseguiu adotar um gatinho que foi salvo da rua - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Mesmo com a proibição do dono da casa,…
Para ajudar alguém basta um pequeno gesto: 12 fotos que nos dão esperança na humanidade A motorista do ônibus escolar segura a mão de um menino que chorava no seu primeiro dia de aula

Mesmo com a proibição do dono da casa, esta mulher conseguiu adotar um gatinho que foi salvo da rua

3.095
Advertisement

Quando se trata de animais, especialmente aqueles que não tiveram uma boa vida, o coração das pessoas tende a se abrir um pouco mais facilmente e, mesmo as mais duras, eventualmente, dão lugar a uma bola de pelo cheia de amor que ronrona e enche a sala de gratidão. Um gatinho chamado Bruce foi resgatado da rua após 6 longos anos. Bruce não estava em boas condições, mas com um pouco de cuidado e muito amor, seus socorristas conseguiram curá-lo e tentaram encontrar um lar para ele. Um dia, uma mulher chamada Sandra descobriu a existência desse pobre gatinho no site da organização animalista que o salvou e se apaixonou completamente por ele. O único obstáculo a esse grande amor continuava sendo a proibição absoluta do proprietário da casa de Sandra de deixar animais entrarem no apartamento.

Depois de muito tempo na rua, este doce gatinho foi encontrado coberto de cicatrizes, dentes quebrados, ferimentos nos olhos e tinha também o vírus da imunodeficiência felina. Foi muita sorte alguns voluntários da organização Animal Humane Society o terem encontrado. Independentemente de tudo o que tinha acontecido com ele, este gato ainda parecia muito amigável e amoroso com as pessoas que o abordavam. Seus socorristas o chamavam de Bruce Willis e imediatamente começaram a procurar alguém que quisesse acolher uma alma frágil como a de Bruce em sua própria casa.

Quando Sandra soube da situação de Bruce através do site da organização, ela imediatamente decidiu visitá-lo - ela sabia que havia algo de especial naquele gatinho. Entre os dois, foi amor à primeira vista, mas Sandra, naquele dia, voltou para casa com o coração partido, porque sabia que não podia levar Bruce para casa: no apartamento que estava alugando havia uma proibição absoluta de ter qualquer tipo de animal em casa. A mulher continuou a visitar o gato e a acompanhar sua história através de atualizações no site e, um mês após o primeiro dia, Bruce ainda estava lá naquele abrigo. Ninguém queria adotá-lo.

Advertisement

Sandra, então, decidiu fazer uma tentativa extra com o proprietário para tentar convencê-lo a deixá-la levar o gato para casa. Algo correu do jeito certo, porque a mulher recebeu essa permissão: ela poderia finalmente dar a essa pobre criatura um lar acolhedor!

Quando Bruce chegou em sua nova casa, ele começou a ronronar... e nunca mais parou.

"Ele não parou de ronronar a noite toda. A partir daquele dia, ele me segue aonde quer que eu vá", disse Sandra. Este gatinho doce gosta tanto de ronronar que o médico não consegue ouvir as batidas do seu coração. Todo dia ele acorda ao lado de Sandra e começa a ronronar, expressando todo o seu carinho.

Advertisement

Bruce agora tem uma pessoa que o ama e o protegerá pelo resto de sua vida e está muito feliz em sua nova casa.

Felizmente, a vida deste gatinho mudou para muito melhor. 

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado