Todos os dias ele escreve uma carta de amor para ela: depois de 40 anos, marido e mulher se amam como no primeiro dia - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Todos os dias ele escreve uma carta…
Os nascidos sob o signo de Leão são os verdadeiros Marido e mulher fazem construir uma cama gigante para dormirem juntos com seus 8 cachorros salvos das ruas

Todos os dias ele escreve uma carta de amor para ela: depois de 40 anos, marido e mulher se amam como no primeiro dia

Por Roberta Freitas
1.681
Advertisement

Quando começamos um relacionamento, muitas vezes nos sentimos cheios de emoções muito fortes - o envolvimento é vertiginoso e tudo o que queremos é passar o maior tempo possível com nosso parceiro. As primeiras ocasiões para se surpreender com um presente ou com um gesto romântico não demoram a chegar: o primeiro Dia dos Namorados, o aniversário de namoro... todos os momentos em que se você se apresentar com uma flor ou chocolates, dificilmente poderá errar. Se tudo isso se aplica aos primeiros meses, o que dizer de quando o relacionamento se torna mais sólido ao longo dos anos? Pequenos gestos, presentes e atenções tendem a cessar ou a se limitar, por causa da rotina. No entanto, manter esses pequenos gestos vivos é o que torna o relacionamento vivo. Embora concordando com aqueles que argumentam que o amor deve ser celebrado da mesma maneira todos os dias, não é absolutamente errado tirar proveito de um dia ou aniversário em particular para demonstrar o amor. Pense que Bill Bresnan escreve uma carta de amor para sua esposa todos os dias: e ele faz isso há 30 anos!

Hoje em dia não é para todos escreverem cartas de amor, mas continua sendo uma das demonstrações mais sinceras e pessoais de amor que existem. Bill Bresnan é um homem de Nova Jersey que escreve cartas de amor e notas para sua esposa, Kirsten, há 30 anos todos os dias, mostrando todo o seu amor desde o primeiro dia em que se conheceram. Cada carta de Bill termina com "Eu te amo loucamente, minha querida" - uma frase que é sempre seguida pelo símbolo do infinito. Quantos de vocês podem se orgulhar de ter relacionamento assim?

As cartas de Bill se seguem há muitos anos e são guardadas com carinho em algumas caixas numeradas, exatamente como um arquivo real. O casal disse que jantava à luz de velas todas as noites, ouvindo música romântica; cada beijo é seguido por um "eu te amo". Em suma, após 40 anos de casamento, este casal parece ser o exemplo perfeito que nos lembra como estávamos no início de nosso relacionamento. Ser capaz de mantê-lo sólido e jovem, resistente à passagem do tempo, é um dos grandes desafios de nossos dias. Bill e sua esposa fizeram isso perfeitamente.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado