Ele pergunta para a vizinha onde está o marido, mas ela responde que se foi: ele deixa tudo e corre para abraçá-la. - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Ele pergunta para a vizinha onde está…
Um cavalinho de 3 dias não para de perseguir seu amigo humano em um piquete Depois de se casar, decidem mudar de vida: perdem mais de 180 kg treinando juntos

Ele pergunta para a vizinha onde está o marido, mas ela responde que se foi: ele deixa tudo e corre para abraçá-la.

Por Roberta Freitas
9.819
Advertisement

Aldon O'neill Ward III foi às manchetes como o "melhor vizinho do mundo", graças a um simples gesto de humanidade que comoveu todo o bairro e muito mais. Aldon é o clássico homem sorridente, que certamente será capaz de deixar você de bom humor, só com a sua presença; sempre gentil e generoso, Aldon se destacou no bairro como um bom vizinho. Aldon sempre cumprimenta e fica feliz em conversar com as pessoas na frente de sua casa, mesmo quando ele não sabe o nome do seu interlocutor. Desde 2011, por exemplo, ele sempre via um casal de idosos de seu bairro que passava em frente a sua casa sempre que eles decidiam dar um passeio. Um dia, no entanto, ele percebeu que a mulher caminhava sozinha e com um ar angustiado: naquele dia Aldon foi até a "estranha" para  lhe dar um abraço de conforto.

Aldon não poderia imaginar que a senhora que sempre via passear com o marido durante todos esses anos, tivesse acabado de perder o amor de sua vida. Quando a viu passar na frente de sua casa, Aldon estava regando suas plantas e, como sempre, ao ver aquela doce senhora, ele levantou o braço em saudação. A mulher abanou e o jovem perguntou a ela educadamente e em modo divertido: "Onde você deixou sua doce metade hoje?"

A mulher moveu a cabeça desanimada - uma reação que aqueles que estão prestes a dar más notícias costumam ter. "Ele se foi", respondeu a mulher em lágrimas. O coração de Aldon parou ao ouvir a mulher dizer essas palavras e, sem sequer pensar duas vezes, largou a mangueira e correu o mais rápido possível para abraçá-la.

Advertisement

Ele não sabia o nome dela, mas poderia ter sido sua avó ou mãe, e seu gesto parecia decididamente espontâneo: uma pessoa precisava de conforto e era a única coisa que importava. A mulher se sentiu um pouco melhor graças ao abraço de Aldon e continuou: "Eu tento fazer o que costumávamos fazer juntos... eu precisava muito disso".

O coração dessa mulher se partiu irreparavelmente após a morte de seu amado marido, que ninguém jamais poderá trazer de volta para ela, mas pelo menos saberá que sempre haverá alguém disposto a ouví-la e abraçá-la em tempos de necessidade.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado