Aos noventa anos deixa uma carta escrita à mão para a vizinha: "Me sinto terrivelmente sozinha" - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Aos noventa anos deixa uma carta escrita…
Magia da perspectiva: 19 fotos que tivemos que olhar duas vezes antes de entender o que estava acontecendo Esta mulher se recusa a tirar o buço e a fazer as sobrancelhas para ir a um encontro e recebe uma chuva de insultos

Aos noventa anos deixa uma carta escrita à mão para a vizinha: "Me sinto terrivelmente sozinha"

24 Fevereiro 2021 • Por Roberta Freitas
2.840
Advertisement

Quando chegamos à terceira idade, todos sentimos um pouco o peso da solidão; embora estejamos cercados por filhos, netos e uma família extensa, não é incomum ouvir histórias comoventes de avós e avôs que foram "abandonados" por seus filhos e parentes depois de criarem novas famílias. Exatamente nessas situações muito comuns, a solidão se torna uma fera difícil de domar: como se livrar desse sentimento horrível?

A protagonista dessa comovente história se chama Wanda, ela tem 90 anos e mora sozinha em seu apartamento na cidade de São Francisco, Califórnia. Uma mulher que viveu toda a sua vida rodeada de parentes e amigos, mas que agora vive sozinha e sofre de solidão; por isso, um dia ela tomou coragem e escreveu uma carta com o próprio punho para a vizinha, perguntando se ela queria ser sua amiga. A carta começava assim: "Você consideraria se tornar minha amiga? Tenho 90 anos e moro sozinha. Todos os meus amigos se foram e me sinto tão só e com medo. Por favor, ore por mim".

Marleen Brooks, a vizinha da senhora de noventa anos, assim que leu aquelas palavras escritas com a caneta, ficou tão comovida que não pode evitar de bater à porta da Sra. Wanda no dia em que recebeu aquela carta linda e emocionante.

Para ir conhecer a vizinha idosa, Marleen preparou alguns doces e imediatamente as duas mulheres se sintonizaram; uma nova amizade estava realmente nascendo, agora Wanda não se sentiria sozinha como antes! Sobre o relacionamento que nasceu com a sua vizinha que precisava de atenção e amizade, Marleen disse: “Estou muito feliz por Wanda. Mas, como disse antes, há tantos outros idosos por aí que estão sozinhos como Wanda. Eu gostaria de pedir para considerar a ideia de bater à porta deles e dizer olá. Sei que significaria muito para eles. E quem sabe, talvez assim você faça um novo amigo!"

O que você está esperando, saia e bata na porta do seu vizinho idoso com um grande sorriso nos lábios: temos certeza que ele apreciará muito seu gesto atencioso!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado