Ela deu à luz a 2 gêmeos aos 64 anos: algum tempo depois, ela foi julgada "uma mãe inadequada" e perdeu a custódia dos filhos - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Ela deu à luz a 2 gêmeos aos 64 anos:…
Aos 101 anos, ela envia um currículo para voltar a trabalhar e se sentir independente dos netos: no final, uma empresa a contrata A mãe quer passar o primeiro mês de vida do filho sem a presença do pai: ele fica furioso

Ela deu à luz a 2 gêmeos aos 64 anos: algum tempo depois, ela foi julgada "uma mãe inadequada" e perdeu a custódia dos filhos

04 Março 2021 • Por Roberta Freitas
17.301
Advertisement

Hoje em dia, a idade não representa mais um obstáculo insuperável à maternidade. Mesmo as mulheres de uma certa idade, são capazes de procriar graças aos avanços científicos notáveis. Mauricia Ibanez é certamente um exemplo perfeito disso: a mulher deu à luz gêmeos em 2017, aos 64 anos. Foi graças a uma terapia de fertilização realizada nos Estados Unidos, que Mauricia pode realizar seu sonho de ser mãe novamente. Foi uma escolha muito discutida, não só pela idade avançada da mulher, mas também porque no passado os serviços sociais já haviam tirado uma filha dela. Aos 69 anos, Mauricia perdeu a custódia dos gêmeos, por ser considerada "inadequada" para cuidar deles.

Mauricia Ibanez é considerada a "mãe mais velha da Espanha" e a razão é que ela deu à luz aos seus gêmeos aos 64 anos. A mulher, ex-funcionária do Ministério das Relações Exteriores, não quis desistir de ser mãe e decidiu fazer fertilização nos Estados Unidos, para ter um filho. Com a fertilização in vitro, de fato, os obstáculos do mecanismo natural de fertilização podem ser claramente superados. Mauricia deu à luz a gêmeos em 2017, mas hoje foi declarada doente mental e afastada dos filhos. A mulher, na realidade, já tinha tido esse tipo de acusação, uma vez que no passado já tinha sido privada da guarda da primeira filha, que se encontrava em "estado de abandono".

Seu caso já havia levantado uma grande polêmica que girava em torno do problema moderno das "avós-mães", ou seja, pessoas de certa idade que, graças ao progresso tecnológico, ainda conseguem satisfazer sua necessidade de maternidade. Mauricia não vê a primeira filha desde 2014, não tem mais contato com ela, mas sabemos que a menina encontrou uma nova família adotiva no Canadá. Os gêmeos nascidos em 2017 têm agora 4 anos e os serviços sociais determinaram que Mauricia não pode cuidar deles com responsabilidade. Todas as relações terminam com esta conclusão, mas sem excluir uma possível reunião familiar quando os pequenos forem crescidos. Mauricia, como mãe, se sente perdida e desesperada, é claro, porque seus filhos foram tirados dela.

Na Espanha, tinha tido um caso anterior, que marcou um recorde: Carmen Bousada deu à luz a gêmeos aos 67 anos, tornando-se a mãe mais velha da Espanha, mas depois de apenas três anos ela foi derrotada por um câncer.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado