Uma mulher dá à luz aos 57 anos e se torna uma das mães mais velhas da história dos Estados Unidos - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Uma mulher dá à luz aos 57 anos e…
Eles o expulsaram da escola porque apareceu com os cabelos tingidos de rosa e azul: sua mãe critica o instituto Bombeira exausta deita no chão com o cachorrinho que ela acabou de salvar das chamas

Uma mulher dá à luz aos 57 anos e se torna uma das mães mais velhas da história dos Estados Unidos

01 Abril 2021 • Por Roberta Freitas
3.620
Advertisement

Tornar-se mãe na velhice? Sim, é possível, mesmo que a literatura médica e científica certamente sublinhe como em certa idade se torna um processo natural cada vez mais raro e, às vezes, até perigoso para o organismo da mulher que carrega o filho. Por isso, muitas mães engravidam usando métodos não tão comuns, como a fertilização in vitro, evitando a gravidez natural que pode comprometer a saúde da mãe e do bebê que está à caminho.

via: NBC Boston

Esta é a incrível história de Barbara Higgins, uma mulher de New Hampshire, nos Estados Unidos, que deu à luz a um menino aos 57 anos; com esse recorde, Barbara se tornou uma das mães "mais velhas" a dar à luz na história médica dos Estados Unidos da América. A mulher já tinha tido dois filhos antes, só que havia tragicamente perdido sua filha de 13 anos para um câncer de cérebro, o que devastou a vida de Barbara e seu marido Peter.

Apesar da idade um tanto avançada, os dois decidiram tentar novamente ter um terceiro filho, mas para não arriscar uma gravidez perigosa, eles procuraram uma clínica especializada em Boston que tratava justamente desses casos de mulheres com mais de 50 anos que queriam ter um filho usando fertilização in vitro.

E assim, em 20 de março de 2021, Barbara Higgins deu à luz um menino chamado Jack; ao fazer isso, a mulher americana quebrou todos os recordes do New Hampshire e se tornou uma das mães mais velhas já registradas na história dos Estados Unidos. Há quem parabenize o sonho realizado deste casal e quem argumente levantando uma velha questão: a mulher tem 57 anos, o tempo vai passar muito rápido, tanto para o filho como para a mãe, no caminho para a terceira idade: como o pequeno Jack crescerá da melhor maneira?

Bárbara, no entanto, respondeu à crítica com as seguintes palavras: "Ninguém dá à luz a um filho e sabe com certeza que estará vivo para vê-lo crescer. Não sei como serei daqui a 10 anos, mas como você será daqui a 10 anos? E por que Jack não deveria estar vivo porque eu vou envelhecer?"

Advertisement

Quanto à força física e resistência, para Bárbara pelo menos não há problema, apesar da idade: ela fazia Crossfit e levantou pesos regularmente até um dia antes de seu Jack nascer.

Que mãe recordista!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado