O jardim de infância repreende a mãe de uma criança: "Vista ela como uma menina, pensávamos que fosse um menino" - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
O jardim de infância repreende a mãe…
Aos 19 anos opta por se tornar um homem cortando relações com amigos e parentes: agora ele se sente totalmente renascido Gatos que quebram recordes: 17 bichanos gigantes que não se dão conta do próprio tamanho

O jardim de infância repreende a mãe de uma criança: "Vista ela como uma menina, pensávamos que fosse um menino"

09 Maio 2021 • Por Roberta Freitas
19.643
Advertisement

Hoje em dia, qualquer tipo de comentário pode ser esperado das pessoas que estão ao nosso redor, até mesmo daquelas que não têm uma relação próxima conosco. Quer sejam colegas de trabalho, simples conhecidos ou até mesmo funcionários de lojas e locais públicos, quase parece que não resistem a nos fazer perguntas ou comentários frequentemente inadequados. Exatamente como aconteceu com essa mãe, repreendida pela equipe do jardim de infância que atendia sua filha porque a pequena naquele dia “não estava vestida muito feminina".

A mãe em questão se chama Jessica Rold, ela é americana mas mora na Dinamarca há algum tempo com seu marido Steve. Juntos têm dois filhos pequenos, um dos quais, o mais velho, já frequenta o jardim de infância e a mais nova tem apenas um mês. Um dia, enquanto a mãe tinha ido ao jardim de infância para pegar seu filho, ela foi informada pelos funcionários da escola que a pequena Clementine não se vestia de forma feminina o suficiente, razão pela qual a aconselharam, entre outras coisas, a colocar uma roupinha rosa ou um laço na cabeça para "distinguir o seu gênero".

This girl ROCK CHALKS blue 🤘! #LFK #KU #PutABowOnIt

Pubblicato da Jessica Rold su Venerdì 10 agosto 2018

Steve Rold, o pai de Clementine, contou o incidente com suas próprias palavras no Facebook: "Naquele dia, quando várias crianças perguntaram se nossa filha era uma menina ou um menino, alguns supervisores do jardim de infância do meu filho disseram à minha esposa que nós deveríamos vestir nossa filha com roupas de menina ou colocar uma fita rosa em sua cabeça para que não haja confusão na próxima vez".

E no final, foi isso que Jéssica fez: pegou seu celular e tirou uma foto engraçada de sua filha de 1 mês; na cabeça, ele tinha um laço rosa desenhado em um pedaço de papel como uma brincadeira irônica das censuras inadequadas da equipe da escola de seu filho...

Advertisement

Obviamente, a foto se tornou viral em pouco tempo e abriu um debate sobre quantas vezes os pais de hoje são repreendidos sobre as roupas escolhidas para seu recém-nascido, como se fosse culpa da mãe e do pai não revelar o sexo da criança para aqueles que não fazem parte de suas vidas.

O apoio dos outros pais foi grande para Jéssica e Steve, todos ficaram do lado da mãe repreendida e certamente “condenaram” as palavras da equipe do jardim de infância. O que você acha da reprovação sofrida por esta pobre mãe: exagerada ou legítima?

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado