Seu filho foi tirado de seus braços ao nascer: a mãe não perde a esperança e o encontra após 48 anos - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Seu filho foi tirado de seus braços…
Pai solo é forçado a economizar no aquecimento para alimentar sua filha de 5 anos Ele homenageia sua falecida esposa fazendo sua filha usar o vestido que ela tinha feito para a pequena antes de voar para o céu

Seu filho foi tirado de seus braços ao nascer: a mãe não perde a esperança e o encontra após 48 anos

27 Agosto 2021 • Por Roberta Freitas
1.682
Advertisement

Às vezes, achamos que todos devem ter o direito de crescer com sua mãe. Infelizmente, porém, a história de Kirk Kellerhals, de 48 anos, nos lembra como, às vezes e nas mais diversas circunstâncias, isso não é possível para todos. O protagonista desta história, de fato, passou 48 anos de sua vida sem ter o privilégio de conhecer sua mãe biológica, que teve que abandoná-lo dolorosamente contra sua vontade.

via: CBS News

Thuy-Nga Thi Nibblet (é o nome da mãe de Kirk), concebeu seu filho com um soldado americano aos 17 anos, durante a Guerra do Vietnã. Infelizmente, o pai da mulher não aceitou o fato de o futuro neto ser metade vietnamita e metade americano, por isso, assim que nasceu, Kirk foi roubado pelo avô e levado para um orfanato. Tudo o que a nova mãe sabia era que a criança era um menino.

Kirk foi adotado por uma família americana aos dois anos e, além de nunca ter tido contato com a mãe, obviamente não teve contato com o pai, apesar de ter sido criado nos Estados Unidos, a milhares de quilômetros de sua mãe. Os pais adotivos de Kirk nunca esconderam a verdade a ele: o homem sempre soube que tinha sido adotado, mas pensava que seus pais biológicos haviam morrido na guerra. Essa crença o acompanhou por muitos anos, até que um dia um e-mail mudou tudo.

Embora achasse que seus pais já haviam falecido, Kirk queria saber mais sobre sua família biológica e ancestrais. Por isso, enviou todas as informações necessárias para um banco de dados de DNA em um site online e, apenas duas semanas depois daquele dia fatídico, Kirk recebeu um e-mail pedindo que ligasse para um número de telefone.

Durante a ligação, o homem de 48 anos não acreditou no que estava ouvindo: sua data de nascimento coincidia perfeitamente com o dia do parto de Thuy-Nga Thi, e foi nesse momento que Kirk descobriu que sua mãe biológica ainda estava Viva.

Surpreendentemente, Thuy-Nga Thi não estava mais tão distante do filho: ela também morava nos Estados Unidos, no Texas, e isso lhe permitiu organizar facilmente sua viagem para Virginia Beach, onde Kirk morava. Quando Thuy-Nga Thi viu o rosto do filho pela primeira vez, foi tomada pela emoção e correu para dar-lhe um longo abraço, bebendo os litros de lágrimas que escorriam por seu rosto.

Advertisement

Por trás de uma criança adotada pode haver uma quantidade infinita de motivações; são situações tão delicadas que só podemos ficar em silêncio. Thuy-Nga Thi queria muito criar seu bebê mas, embora ela não tenha tido a oportunidade de ver seus primeiros passos, seus primeiros sorrisos ou suas primeiras experiências de vida, agora ela finalmente poderá construir novas memórias junto com ele, para o resto de sua vida.

Muitas felicidades a esta nova e incrível família que finalmente se reencontrou no amor!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado