Casal gay adota bebê prematuro abandonado na rua: agora são uma família muito feliz - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Casal gay adota bebê prematuro abandonado…
Eles fazem o teste de DNA no cachorro e descobrem que ele é primo de seu animal de estimação anterior Idoso usa o secador de cabelo como um radar para reduzir a velocidade dos carros que passam muito rápido

Casal gay adota bebê prematuro abandonado na rua: agora são uma família muito feliz

16 Setembro 2021 • Por Roberta Freitas
1.990
Advertisement

O processo de adoção de uma criança nunca é fácil; a floresta burocrática a ser atravessada é longa e perigosa, e nem mesmo é certo que o casal ou a mãe ou o pai solos conseguirão ficar com a criança pela qual “se apaixonaram” e gostariam de hospedar em casa. Mas se esse processo for levado até o último passo com coragem e força de vontade, a satisfação será grande. Uma satisfação que Benjamin e Louis sentiram em suas vidas, um casal gay que adotou uma criança brasileira!

Os dois, de origem francesa, se mudaram para o Brasil em 2010, mas depois se apaixonaram literalmente pela cidade do Rio de Janeiro e decidiram ficar morando por lá. Com o tempo, também nasceu o desejo desse casal de adotar um filho, mas eles sabiam muito bem que o processo burocrático seria longo e difícil.

Por fim, em 2015, Benjamin e Louis conquistaram o direito de adotar no Brasil graças à resolução do Juizado de Menores do Rio de Janeiro e só então entraram para a fila oficial para a adoção de uma criança, quando chegasse a ocasião. Após dois anos de espera, em 2017 receberam a notícia de que um bebê prematuro tinha nascido na Bahia, no quinto mês de gravidez. A chance deles tinha finalmente chegado!

O juiz do tribunal havia lhes dito que o bebê tinha agora dois meses, pesava cerca de 900 gramas e que tinha nascido prematuro e tinha sido abandonado na rua; eles tinham 48 horas para ir para a Bahia e adotá-lo oficialmente, mas tinham medo de não chegar a tempo. No final, porém, o casal francês conseguiu se juntar ao bebê de dois meses, chamado Vinicius, e ficar três semanas com ele na cidade da Bahia, esperando que o bebê prematuro atingisse o peso mínimo para poder pegar um vôo para o Rio de Janeiro.

Advertisement

Depois dessas vicissitudes, agora Benjamin e Louis formam uma família muito feliz junto com o pequeno Vinicius, longe da tristeza e da miséria que caracterizaram os primeiros meses de sua vida. Os dois estão tão felizes por ter hospedado a criança em sua casa que já estão ansiosos para voltar à fila para poder adotar um irmãozinho ou irmãzinha para ele!

Que família maravilhosa, não é?

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado