Um bebê prematuro nasceu tão pequeno que caberia dentro de um saco plástico para sanduíches - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Um bebê prematuro nasceu tão pequeno…
Procurar uma agulha no palheiro: teste a sua visão com este jogo Empresária ganha o mesmo salário que seus funcionários:

Um bebê prematuro nasceu tão pequeno que caberia dentro de um saco plástico para sanduíches

25 Setembro 2021 • Por Roberta Freitas
1.282
Advertisement

O momento do nascimento de uma criança é um dos mais emocionantes de todos para um pai, especialmente para uma mãe que guardou e protegeu seu filho por nascer, fruto de seu amor, durante nove longos meses dentro de seu útero. Imagine então a surpresa desta britânica de Manchester quando finalmente deu à luz a pequena Darcey, uma criança nascida em circunstâncias verdadeiramente terríveis, mas que superou todas as adversidades e que agora, aos cinco anos, está muito feliz em viver com seus amigos e levar uma vida normal.

O pequeno Darcey Clegg, agora com cinco anos, nasceu do tamanho de um sachê de açúcar e pesava pouco mais de 400 gramas; uma condição muito rara para um recém-nascido que poderia ter trazido muitos problemas para a criança e para a mãe. Nos dias que se seguiram ao seu nascimento, Darcey chegou a ser mantida protegida dentro de uma bolsa transparente para sanduíches, porque ela nasceu prematura três meses antes do fim da gravidez. A menina, que ficou em observação no Hospital Royal Oldham de Manchester por 64 dias, venceu todas as adversidades e voltou para casa saudável.

Mãe Gill relata todas as vicissitudes de sua gravidez tempestuosa, até o nascimento de Darcey: na vigésima oitava semana, a mulher notou por um exame que o feto não estava recebendo oxigênio e pressão suficientes e que havia uma anormalidade na placenta; ela teve que ser operada com urgência com uma cesariana...

Gill disse: "Foi aterrorizante. Não me deram muita esperança de que ela sobreviveria. Mas ela saiu chorando, e agora, apesar de ter vivido seus primeiros 64 dias de vida em uma UTI e de ter aprendido a andar um pouco mais tarde , ela é uma criança normal, levando uma vida semelhante à de seus pequenos colegas. Para mim Darcy é um sonho e ao mesmo tempo um milagre. Agora ela não pode esperar para começar a escola primária em setembro e ir brincar com muitas outras crianças da idade dela!"

Desejamos uma vida maravilhosa para a pequena Darcey: ela conseguiu vencer todas as previsões negativas na hora do seu nascimento, agora deve só aproveitar a vida que tanto lutou para saborear!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado