Jovem de 22 anos criticada por não querer ser mãe: "crianças me incomodam" - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Jovem de 22 anos criticada por não…
Ele deixa o cabelo crescer por 2 anos e cria uma peruca para sua mãe: ela tinha perdido por causa do câncer Casal adota criança: depois de 5 anos fazem a mesma coisa com a irmã recém-nascida

Jovem de 22 anos criticada por não querer ser mãe: "crianças me incomodam"

28 Julho 2022 • Por Roberta Freitas
587
Advertisement

No passado, a mulher era vista principalmente como uma figura destinada a se tornar mãe - seus desejos e ambições não eram nem um pouco levados em conta, pois seu propósito parecia ser apenas aquele de procriar. Felizmente, esse tipo de pensamento parece muito distante hoje, pelo menos em algumas partes do mundo; não é incomum, de fato, ouvir o testemunho de muitas mulheres que estão mais do que convencidas de sua escolha de não terem filhos. Lorella Palmer, uma londrina de 22 anos, está entre as que gritam que ela não tem intenção de se tornar mãe. Dada a pouca idade, muitos se perguntam se essa escolha é temporária, assumindo que um dia o desejo da maternidade prevalecerá.


A jovem Lorella Palmer declarou que tem motivação suficiente para "odiar" crianças e não querer ser mãe, mas não critica aquelas que optam por seguir seu desejo de maternidade. Lorella foi clara: "não critico quem sempre sonhou em ser mãe, é uma decisão muito pessoal e por isso espero que os outros respeitem a minha. As crianças são muito chatas, me incomodam em todos os sentidos".

Muitos usuários, no entanto, não conseguiram deixar de criticar a escolha dessa jovem: "é óbvio que um dia você vai se arrepender, quando ficar velha e se encontrar sozinha em um quarto". Mas por que você tem que ter um filho só para se sentir menos sozinho? Lorella Palmer, de fato, respondeu na mesma moeda aos que a criticam: "ninguém deveria vir ao mundo pelo simples fato de apoiar e cuidar de seus pais à medida que envelhecem, seria um propósito de vida vazio e precário". Até mesmo o pai de Lorella não está entusiasmado com o fato de a jovem e o namorado não quererem ter filhos: "sou a única filha do meu pai, ele gostaria de ser avô e eu sou a única oportunidade que ele tem. Mas mesmo assim, a minha posição sobre isso é muito clara. Ter filhos certamente seria a menor prioridade da minha vida."

Lorella quer focar na carreira, quer se divertir, viajar e ter boa estabilidade financeira, sem ter que se preocupar em levar os filhos para a escola, para praticar esportes e qualquer outra coisa. “Para muitas de vocês o mais importante na vida é ser mãe, mas para mim o mais importante é NUNCA ser mãe, porque amo profundamente a minha independência”, concluiu a jovem, segura do seu futuro. Afinal, por que temos que nos meter a todo custo no direito de escolha dos outros, principalmente quando se trata de decisões tão pessoais?

"É minha vida, é meu corpo, é minha decisão", disse Lorella.

O que você gostaria de dizer para Lorella?

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado