Todos sabem fazer o mal, mas poucos são capazes de pedir perdão - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Todos sabem fazer o mal, mas poucos…
21 gatos absolutamente irresistíveis 6 comportamentos que os filhos de pais separados levam para toda vida

Todos sabem fazer o mal, mas poucos são capazes de pedir perdão

1.961
Advertisement

Todos cometemos erros: esse é o ponto de partida do nosso crescimento interior, a ferramenta que nos permite melhorar. Saber pedir perdão é a qualidade de poucos que todos deveriam colocar em prática; admitir que você está errado é um sinal de maturidade.

Diante de nossos erros, precisamos pensar, deixar de lado o "ego" avassalador que nos domina, entender que estamos errados e perceber as emoções das pessoas que ferimos.

Na vida cotidiana, muitas vezes usamos a palavra "perdão" como um hábito nos gestos e discursos, mas poucas pessoas estão prontas para admitir a si mesmas e ao vizinho que cometeram um erro e pedir desculpas por suas ações. Admitir o erro é tão difícil?

Alguns erros permitiram que o homem crescesse e explorasse novos horizontes, mas quando esses causam dor aos outros e são negados de forma obstinada, levam à regressão.

Vivemos em uma sociedade que, por sua própria natureza, pede desculpas muito pouco e, portanto, somos levados a contornar o problema recorrendo ao "virtual", como redes sociais e mensagens, perdendo gradualmente a coragem de olhar nos olhos de quem machucamos.

Desde crianças, somos ensinados que cometer erros é errado, o sistema escolar acentua essa mensagem punindo os fracassos. É normal, então, que somos levados a mascarar nossos erros já em idade precoce. Isso desencadeia o mecanismo que nos leva à negação do erro e à falta do pedido de perdão.

Saber pedir perdão é uma oportunidade de crescimento e melhoria que arriscamos perder. O verdadeiro perdão cura a alma e é um sintoma de força. Precisamos ter a capacidade de minar as regras e crenças que nos levam a associá-lo à fraqueza.

Mesmo arriscando uma recusa, temos que olhar o outro nos olhos e explicar bem as razões que nos levaram ao erro e com humildade pedir desculpas. 

Advertisement

Deixe um comentário!

x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado