Um cachorro é amarrado e jogado em uma fossa, mas o culpado comete um erro que lhe custará caro - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Um cachorro é amarrado e jogado em…
Você se veste sempre de preto? Veja o seu perfil psicológico 20 doces pérolas de sabedoria ditas pelo Ursinho Puff

Um cachorro é amarrado e jogado em uma fossa, mas o culpado comete um erro que lhe custará caro

1.872
Advertisement

Não há necessidade de ter um cachorro para poder apreciar esse amigo fiel: apenas observe a bondade em seus doces olhos, e a alegria irreprimível que ele mostra quando vê o seu dono, para entender o valor desse ser vivo e a sorte de poder ter um para alegrar a vida. 

E, no entanto, há pessoas que não conseguem ver tudo isso, talvez porque seu coração seja míope; e chegam a maltratar esses queridos animais.

A história do salsicha Flick fala sobre esse tipo de gente, mas também sobre as pessoas boas, graças às quais a história desse cachorrinho tão lindinho não terminou em tragédia.

WE NEED YOUR HELP! Do you recognize this dog? He was dumped in a ditch last weekend near Old Highway M and Schneider...

Pubblicato da Jefferson County Sheriff's Office su Giovedì 14 febbraio 2019

A desventura de Flick veio à tona através do Gabinete do Xerife do Condado de Jefferson, no Missouri, que lançou um apelo no Facebook em 14 de fevereiro para rastrear o dono de um pobre salsicha encontrado quase morto. Na verdade, o infeliz animal foi "jogado em uma vala no fim de semana passado perto da velha estrada M e Schneider Road. Ele estava com frio, com fome e pode ter tido um trauma cerebral". O cachorro foi amarrado com uma fita isolante e abandonado em uma vala no frio do inverno.

Felizmente, "um agente o encontrou em patrulha e levou o cachorro a uma clínica de animais de estimação. 'Jimmy', como ficou conhecido, agora está muito melhor. Gostaríamos de devolvê-lo para seus donos. Se você conhece a sua família, ligue para os nossos detetives no número 636-797-5515".

Graças a este post, foi possível rastrear a dona: era Katie Kofron, que respondeu compartilhando uma foto de seu salsicha e sua triste história. Descobriu-se assim que o cão se chama Flick, tem 13 anos e misteriosamente desapareceu de casa uma semana antes.

"Eu o deixei sair na sexta-feira à noite por volta das 8h30, antes que meu filho dormisse, e eu esperei pelos 5 minutos usuais. Ele não voltou, então eu o procurei por toda a vizinhança."

Advertisement

Seu desaparecimento pareceu imediatamente estranho para Katie, não só por causa da idade avançada do cão: "Ele nunca deixou o nosso jardim, então eu senti que havia algo errado, mas eu achava que uma família pudesse ter pego ele  pensando que estivesse um perdido, alguém deve tê-lo tirado do nosso quintal, porque ele nunca vai embora, a menos que não vá até nossos vizinhos, porque é um amigo de seus cães”.

Flick já havia sofrido com a perda do cachorrinho que vivia com ele e não comia há dias. Katie explicou que ele também tinha um estômago sensível e não aceitava todo o tipo de comida.

Enquanto isso, no dia 19 de fevereiro, os detetives Lee Morris e Nick Shuenemann fizeram uma descoberta importante: uma impressão digital na fita usada para amarrar o salsicha. Assim, eles puderam achar a pessoa que o sequestrou e o abandonou: Paul Garcia, um homem de 39 anos que foi imediatamente preso.

Flick, uma vez recuperado, voltou para casa com Katie, que agora abriu uma página no Facebook para manter seus novos fãs atualizados sobre a saúde e a vida do cachorrinho. Tudo está bem quando acaba bem, especialmente quando você está cercado por uma comunidade de pessoas que amam e protegem os animais como os moradores de Jefferson. 

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado