A cafeteria gerenciada por jovens com Síndrome de Down abriu novas sedes e quer se expandir ainda mais - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
A cafeteria gerenciada por jovens com…
Quando os nossos pais não estiverem mais aqui, continuarão a viver nas nossas lembranças O diretor da escola passou todo o verão pintando a estrutura para que a escola pudesse economizar 150 mil dólares

A cafeteria gerenciada por jovens com Síndrome de Down abriu novas sedes e quer se expandir ainda mais

Por Roberta Freitas
1.884
Advertisement

Por que nos sentimos desconfortáveis quando encontramos alguém que é diferente da gente, que pode estar falando mais devagar ou com problemas de mobilidade? Certamente nem todos se sentem desconfortáveis, mas muitos ainda não estão realmente acostumados com as diferenças e, apesar da boa vontade, mostram que não podem realmente aceitar os outros. A Bitty & Beau's é uma cadeia de cafés e restaurantes cujo objetivo não é apenas fazer com que as pessoas aceitem a diversidade, mas celebrá-la com todo o seu valor. A maioria dos funcionários da cafeteria tem síndrome de Down ou sofre de alguma outra deficiência. Em Savannah, Georgia (EUA), foi inaugurada a sua terceira sede.

O Bitty & Beau's Coffee é um café administrado por pessoas com deficiências intelectuais e motoras, que abriu sua terceira sede nos Estados Unidos e continua a se expandir graças ao trabalho de muitas pessoas. A fundadora Amy Wright tem duas filhas com síndrome de Down, Bitty e Beau, que dão o nome à cafeteria. Entendendo o desconforto que muitas pessoas com síndrome de Down experimentam devido a uma discriminação severa, Amy queria encontrar uma solução para o problema. Infelizmente, muitas dessas pessoas são marginalizadas e é difícil para elas encontrarem um emprego, então Amy decidiu abrir um café e embarcar nesta linda viagem.

O primeiro café Bitty & Beau foi aberto em janeiro de 2016, em Wilmington, no estado de Nova York. Eles começaram com 18 funcionários para chegar a contratar cerca de 40. O segundo escritório foi aberto em fevereiro de 2018 em Charleston (Carolina do Sul) e o terceiro em Savannah (Geórgia) em 2019. Um crescimento gradual que é um bom presságio para o futuro desta atividade e também para o futuro da raça humana que, talvez, esteja aprendendo a aceitar naturalmente as diferenças que podem ser encontradas em cada um de nós. 

Advertisement

"Nossa esperança é que outras empresas vejam o nosso sucesso e entendam a importância e os benefícios de contratar pessoas com deficiência intelectual", disse Amy Wright, que planeja abrir outras sedes em todo o país. "Quando outras empresas começarem a contratar pessoas com deficiência, a taxa de desemprego entre elas cairá."

Um grande desejo de boa sorte para Amy e para toda sua equipe fantástica!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado