Um papai com câncer morre 48 horas após segurar sua filha recém-nascida nos braços - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Um papai com câncer morre 48 horas…
Encontram uma menina abandonada em um bueiro graças a um salsicha que não parava de latir Uma câmera registra 3 garçons cuspindo na comida de dois policiais: demitidos e presos

Um papai com câncer morre 48 horas após segurar sua filha recém-nascida nos braços

Por Roberta Freitas
3.898
Advertisement

O câncer é uma doença verdadeiramente horrível; é claro que a medicina nas últimas décadas tem feito grandes avanços, mais pessoas se curam e temos tido excelentes resultados, mas há casos e histórias em que aqueles que sofrem com ela não se curam mesmo após anos e anos de extenuante batalha. O protagonista desta história comovente chama-se Jamie Hunter e morreu de câncer 48 horas após o nascimento de seu primeiro filho. Uma história comovente que percorreu o mundo inteiro.

Jamie Hunter, gerente e diretor do Sutton United FC, tinha 38 anos e estava doente há algum tempo; um de seus últimos desejos era poder abraçar sua filha Harper-May antes de deixar este mundo; e assim foi: a menina nasceu na segunda-feira, mas ele morreu apenas 48 horas depois, na quarta-feira.

Tudo começou em 2019, quando Jamie e sua esposa Beccy estavam muito felizes com a extraordinária notícia de que estavam esperando uma menininha. Depois de um curto período de tempo, Jamie começou a sentir uma dor intercostal insuportável, que mais tarde acabou sendo diagnosticada como câncer no rim...

I am devastated to have today lost our 1st team manager, club icon and most of all true friend Jamie Hunter. I have so...

Pubblicato da Sutton United Football Club su Mercoledì 13 maggio 2020

Após um longo período de tratamento e médicos, a resposta dos especialistas não foi reconfortante: o câncer de Jamie se espalhou para o fígado e era praticamente irrecuperável. A triste história de Jamie Hunter comoveu não apenas seus colegas do Sutton United FC, mas também os alunos do homem de 38 anos, anteriormente professor de educação física muito popular em uma escola em Sutton Coldfield, no Reino Unido.

Mas, pelo menos, o desejo de Jamie se tornou realidade: algumas horas antes de abandonar seus afetos, ele conseguiu ver e segurar em seus braços pela primeira e última vez sua linda Harper-May, a melhor coisa de toda a sua vida.

Adeus, querido Jamie!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado