Os vizinhos pedem que uma mãe não deixe seu filho brincar no quintal: "ele ri demais e irrita os cachorros" - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Os vizinhos pedem que uma mãe não…
Os agentes são chamados por causa de um pitbull Um pai desesperado compartilha seus pensamentos sobre o suicídio de seu filho de 12 anos: foi culpa do isolamento

Os vizinhos pedem que uma mãe não deixe seu filho brincar no quintal: "ele ri demais e irrita os cachorros"

Por Roberta Freitas
949
Advertisement

Cedo ou tarde, na vida, tivemos que lidar com vizinhos irritantes ou sem instrução. São situações que, especialmente para aqueles que vivem em áreas de grande densidade populacional, realmente conseguem arruinar a merecida paz, que todos deveríamos te quando estamos em nossa própria casa. Obviamente: boas maneiras, respeito e bom senso sempre devem prevalecer, mas algumas pessoas realmente vão além dos limites, o que as tornam exigentes e exageradas,  para dizer o mínimo.

Não há outras palavras para definir a pessoa - que permaneceu anônima - que achou conveniente enviar uma carta para a mãe protagonista da nossa história, na qual a convidou a limitar ao máximo possível as saídas do filho pequeno ao pátio por causa de seu riso, que era considerado alto demais e "irritante", tanto que incomodava... seus cães e seu passarinho.

A mensagem em questão foi compartilhada repetidamente na Web, provocando a indignação de muitos usuários em todo o mundo.

"Você se mudou para este bairro há um ano e eu quis te dar um tempo para corrigir sozinha este problema, mas parece que você é imprudente demais para fazer isso". Nada mal como primeiras palavras uma carta que depois só piora. "Todos os dias, quando o tempo está bom - a mensagem continua - você faz seu filho correr, brincar e rir no jardim, e isso perturba muito meus dois cães e o passarinho que tenho em casa, perto da janela".

Se você não acredita nos seus olhos, saiba que não está sozinho, porque esta carta demonstra perfeitamente a que ponto as pessoas intolerantes e desrespeitosas podem chegar. Segundo o autor anônimo, a mãe em questão teria "ousado" deixar seu filho brincar no quintal, uma afronta considerada inaceitável.

image: Pxhere

"Você poderia pedir para ele abaixar a voz ou limitar as saídas para 15 a 20 minutos por dia, para eu poder manter meus cães afastados sem que ele esteja correndo em volta - propõe a carta que termina com - se essa atitude continuar , vou chamar a polícia!"

Embora a origem da mensagem permaneça incerta, certamente o fato de alguém ser capaz de escrever essas palavras, dirigidas em particular às atividades que toda criança, no mundo, realiza por sua natureza, fala muito sobre o egoísmo e a escassez de informações e aceitação, atitudes que, infelizmente, em qualquer parte do mundo, às vezes assumem o controle. 

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado