Aos 90 anos, ela caminha 10 km na neve para receber a vacina contra o Covid: "Não via a hora de fazer a vacina!"

por Roberta Freitas

17 Março 2021

Aos 90 anos, ela caminha 10 km na neve para receber a vacina contra o Covid: "Não via a hora de fazer a vacina!"
Advertisement

Imagine ter 90 anos de idade e ter a chance de reservar sua vacina Covid para que você possa finalmente ver uma luz fraca no fim do túnel após um ano de sofrimento global causado pela pandemia. Se sabe também que as pessoas mais velhas e frágeis foram as mais afetadas por esse maldito vírus e, incluída nesta categoria, está Fran Goldman, uma mulher de 90 anos que mora em Seattle, no estado americano de Washington, e que viajou o mundo com sua incrível história.

via TODAY

Advertisement
CBS News/YouTube

CBS News/YouTube

A mulher de 90 anos sempre morou na cidade de Seattle, na América do Norte, e finalmente conseguiu marcar uma consulta para receber a primeira dose da vacina contra o Covid. Encantada por ter alcançado aquele marco tão importante para sua própria segurança e saúde, Fran Goldman estava esperando ansiosa por esse dia. Pena que no mesmo dia que ela tinha horário reservado para fazer a vacina, a cidade de Seattle ficou completamente à mercê de uma tempestade de neve como não se via há anos!

Advertisement
CBS News/YouTube

CBS News/YouTube

Fran não sabia como fazer, o transporte municipal não funcionava e ela não sabia para quem ligar para ser acompanhada à instituição onde deveria receber a primeira dose da vacina anti-Covid, então ela tomou uma decisão corajosa : ela "aqueceu" no dia anterior e resolveu fazer sozinha e a pé um total de 10 quilômetros, ida e volta. Uma façanha que na idade de Fran não é de forma alguma uma coisa simples.

A mulher disse: "Demorei muito para tentar marcar a vacina e finalmente na sexta-feira consegui marcar para o domingo, mas no sábado acordei e estava nevando por toda parte!"

CBS News/YouTube

CBS News/YouTube

Quando a mulher de 90 anos finalmente caminhou 5 km na neve e chegou em segurança ao seu destino para receber a dose da vacina, ela ficou aliviada com o que as enfermeiras voluntárias disseram a ela: "Eu tomei a vacina e me disseram para sentar e esperar 15 minutos para ter certeza de que não teria reações, e eu disse que estava muito feliz em sentar por um tempo!"

Gostaríamos que todos tivéssemos o temperamento e o espírito corajoso de Fran Goldman, uma mulher de 90 anos que tem muito a nos ensinar com essa história incrível!

Advertisement