Nos Estados Unidos existe uma marmota que pode "prever" quando chegará a primavera - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Nos Estados Unidos existe uma marmota…
Uma caixa gasta seus últimos US$ 20 para ajudar uma cliente sem dinheiro: Um pombo

Nos Estados Unidos existe uma marmota que pode "prever" quando chegará a primavera

13 Junho 2021 • Por Roberta Freitas
396
Advertisement

Embora a ciência tenha suplantado há séculos as crenças e lendas populares, essas últimas continuam a ter um fascínio extraordinário na mente das pessoas. Claro, a explicação lógica, racional e científica das coisas é sempre a correta, mas não podemos negar o fato de que algumas das tradições e crenças populares que têm suas raízes na história antiga têm um encanto e atratividade únicos. Às vezes, acreditar em contos de fada é mais conveniente do que dar uma explicação lógica para o que acontece e isso nos parece irracional...

A tradição americana da qual queremos falar hoje faz parte justamente dessas crenças populares que, com o tempo e com o sucesso conquistado, vão se tornando cada vez mais parte das celebrações anuais dos cidadãos até que se tornem compromissos fixos; não importa que a explicação científica diga outra coisa, é bom, nem que seja por um dia do ano, poder acreditar em lendas. Você sabia que em uma pequena cidade na Pensilvânia, todo dia 2 de fevereiro desde 1887, é celebrado o chamado "Dia da Marmota"?

Pois é, este evento festivo tem como protagonista a simpática marmota, um roedor típico dos Estados Unidos, que segundo a tradição secular é capaz de "prever" quanto durará o inverno de cada ano e quando a primavera irá chegar. Essa crença, no entanto, tem origens europeias; na verdade, os pais fundadores da Pensilvânia foram holandeses e alemães, de língua alemã, que acreditavam que o dia 2 de fevereiro (Dia da Candelária para os países cristãos) era considerado o chamado "Dia do Texugo".

Segundo a tradição germânica, se em 2 de fevereiro o texugo saísse de seu covil e conseguisse ver a sua sombra, ou se naquele dia houvesse sol suficiente para projetar sombras no solo, significava que o inverno duraria mais quatro semanas; em um dia nublado, a primavera chegaria mais cedo. Parece, portanto, que com a colonização dos Estados Unidos a tradição do "Dia do Texugo" também se consolidou em território americano, passando a ser o "Dia da Marmota".

De acordo com a documentação oficial, a primeira celebração oficial ocorreu em 1887 na cidade de Punxsutawney, na Pensilvânia, e de lá até hoje o Dia da Marmota é um evento curioso e imperdível para todos os cidadãos dos arredores e de toda a América do Norte. Precisamente nesta cidade que se tornou a casa do "Dia da Marmota" em 2 de fevereiro de cada ano, cerca de 40.000 pessoas se reúnem, curiosas para testemunhar a saída de seu covil da marmota Phil (carinhosamente chamada desde 1961, talvez em homenagem ao Príncipe Philip, duque de Edimburgo) e descubrir a sua "previsão".

Advertisement

De acordo com a crença popular que sobrevive até hoje, se a marmota Phil (não é o mesmo animal todos os anos) "puder ​​ver sua própria sombra", isso significa que o inverno vai durar mais seis semanas; caso contrário, se o dia não estiver ensolarado e Phil não puder ver sua sombra projetada no chão pelos raios do sol, o inverno logo terminará e a primavera chegará mais cedo. Obviamente, não há nenhuma base científica precisa por trás dessa tradição curiosa e divertida, mas o fato é que na América do Norte um dia frio e ensolarado costuma estar associado a temperaturas geralmente mais frias do que a média da estação.

Resumindo, parece que para sonhar com o calor da primavera é preciso esperar a resposta de uma marmota chamada Phil!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado