A filha acusa a empregada de roubo, mas o pai descobre a verdade e como castigo a faz dormir no jardim - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
A filha acusa a empregada de roubo,…
Eles encontram uma pedra do tamanho de um feijão em um parque: era um diamante de 4,38 quilates Encontra seu cachorro depois de perdê-lo no mercado: ele volta para casa em um táxi

A filha acusa a empregada de roubo, mas o pai descobre a verdade e como castigo a faz dormir no jardim

06 Outubro 2021 • Por Roberta Freitas
2.896
Advertisement

Quando um filho passa pela adolescência e começa a encarar uma série de mudanças, como novas amizades, é preciso estar alerta e perceber todos os tipos de sinais que podem levá-la para o caminho errado. Às vezes não é fácil ter um confronto construtivo com um adolescente mas, como pai, você precisa fazer um esforço.

O pai protagonista desta história sabe o que isso significa: quando sua filha de dezesseis anos começou a se comportar mal, criticando pesadamente todas as pessoas ao seu redor com base em julgamentos externos, especialmente culpando a empregada, ele teve que reagir. Nesses casos, depois de ter discutido abertamente em múltiplas ocasiões, optar pelo castigo talvez tenha sido a escolha mais certa.

Há ocasiões em que uma punição consegue ser mais eficaz do que mil palavras, mas certamente não devemos exagerar. O pai protagonista desta história se pergunta se não foi muito severo com a filha, mas sabe perfeitamente o quanto ela precisava de uma lição. Os pais da menina notaram uma mudança radical no comportamento da jovem de 16 anos: "Ela costumava ser educada, mas agora é como se tivesse perdido algum filtro. Suspeitamos que esse comportamento repentino seja consequência do fato de ela ter começado a sair com novas garotas na escola". Uma grosseria que de repente se manifestou com a empregada. O pai, porém, alertou a filha mais de uma vez: se ela tivesse continuado nesse caminho, ele a teria colocado de castigo. E assim foi. Diante de mais um insulto à empregada, seu pai a impediu de ir a uma festa com suas amigas. Nesse momento, a jovem realizou sua vingança sem considerar a gravidade de seus atos e as consequências.

Poucos dias depois, a menina choramingava porque não conseguia mais encontrar seu iPhone. O pai contou o que aconteceu: "Ela me pediu para ligar para o número dela e eu liguei. Minha esposa e eu ficamos surpresos ao descobrir que o iPhone estava tocando na bolsa de nossa empregada. Ela chorava e dizia que nunca tinha tocado no telefone da menina, nem fazia ideia de como tinha ido parar na sua bolsa. Percebi que minha filha a chamava repetidamente de "ladra", então disse a ela para parar e ir para o quarto. Verifiquei a câmera interna antes de continuar a discussão e vi minha filha colocar seu iPhone na bolsa de nossa empregada. Eu estava furioso".

Advertisement
image: Geograph

O homem pediu desculpas à empregada, dando-lhe o resto do dia de folga, e depois passou para a punição da filha: "Eu disse a ela que estava de castigo e deveria passar a noite no jardim (ela tem fobia de germes), ela chorava implorando para que eu não a deixasse dormir com a sujeira, os insetos e o calor, mas eu não quis saber". Todas as punições mais "clássicas" nunca funcionaram, mas isso teria sido particularmente cruel com sua filha, já que a menina é germofóbica. Além desse aspecto, o pai ressaltou que não havia perigos em dormir em uma barraca no quintal.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado