As pessoas boas muitas vezes vão no psicólogo para aprender a lidar com as pessoas ruins - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
As pessoas boas muitas vezes vão no…
Graças ao gesto heroico do cachorro, esta família conseguiu escapar de um incêndio em casa Para voltar a ser feliz é preciso encontrar coragem para se desfazer dos ramos secos

As pessoas boas muitas vezes vão no psicólogo para aprender a lidar com as pessoas ruins

3.021
Advertisement

Desde quando a confiança e o respeito pelos outros saíram de moda? Desde quando ser uma pessoa má, tão competitiva que chega a se tornar desleal e indiferente se tornou uma regra? Muitos sociólogos argumentam que a maldade se transformou em qualidade e vice-versa com a bondade, desde o advento da tecnologia. Esse fenômeno criou uma progressiva dessensibilização dos indivíduos, em relação ao seu próprio universo emocional e àquele dos outros.

Acontece que as pessoas menos predispostas a uma atitude hostil lutam para se adaptar a uma realidade em que é sempre necessário atacar primeiro, em que nem o segundo lugar tem o mesmo valor que o último. Essas "pessoas boas" não conseguem explicar por que tanto frenesi, tanta agressão, acham difícil entender por que o bem pessoal só pode ser alcançado prejudicando alguém. Tal condição de perda leva a um profundo desconforto que frequentemente requer apoio psicológico. Em essência, pedimos ajuda para encontrar as estratégias apropriadas para nos defendermos de toda superficialidade, do materialismo, do mal gratuito e injustificado.

Quem não consegue se adaptar naturalmente à massa, tornando-se um "vilão", usa ferramentas que podem pelo menos imunizar e proteger, permitindo que continuem a avançar apesar de tudo e de todos.

É essencial aprender a criar uma armadura entre você e o mundo exterior, para ignorar o pior sem ter vergonha de si mesmo. Ser uma boa pessoa é inestimável, atemporal, algo que nunca deve ser esquecido ou sair de moda.

Se ao longo do caminho você conhecer pessoas desprezíveis que não podem nem ser chamados de seres "humanos", aprenda melhor a arte de ignorá-las, aceitando somente a luz e se cercando apenas daqueles que compartilham a mesma alma boa.

Tags: ÚteisPsicologia
Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado