8 conselhos úteis para gerenciar melhor a ansiedade e o estresse causados pela emergência Coronavírus - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
8 conselhos úteis para gerenciar melhor…
Um menino pobre vai para a escola de pé descalço porque calça 47: a professora consegue ajudá-lo Não devemos julgar a dor dos outros: cada um sofre em maneira diferente

8 conselhos úteis para gerenciar melhor a ansiedade e o estresse causados pela emergência Coronavírus

Por Roberta Freitas
1.432
Advertisement

Aquela do coronavírus é uma realidade triste em muitas partes do mundo. O grau de difusão varia de região para região, de país para país, mas parece claro que, para evitar piorar as coisas, a melhor coisa a se fazer é evitar o máximo possível de contatos com outras pessoas, reduzindo àqueles estritamente necessários.

Existem vários países no mundo que emitiram medidas destinadas a limitar a circulação dos cidadãos. Ficar mais tempo em casa, no entanto, também significa ter mais tempo para observar a propagação da epidemia e viver uma situação que pode levar a sofrimento psicológico. Por isso, é necessário cuidar de nós mesmos e de nossa saúde mental. As estratégias para lidar com a ansiedade, em uma situação de emergência como a que estamos enfrentando, não faltam, e aqui decidimos oferecer alguns conselhos úteis para gerenciar o estresse.

image: Pxfuel

1. Vamos respeitar algumas regras simples para reduzir o risco

A mídia e as autoridades de todo o mundo repetem isso há dias: o coronavírus pode ser evitado com algumas precauções simples. Lave as mãos com frequência, não toque no rosto, evite o contato direto e mantenha uma distância segura dos outros quando se encontrar em situações externas e com outras pessoas. Obviamente, essas prescrições variam de país para país, mas em todos os lugares o senso de responsabilidade é o que deve orientar a todos na luta contra a epidemia.

2. Vamos aceitar a situação com serenidade

No momento, o Coronavírus é uma emergência que pode ser contida, mas que certamente não pode ser interrompida da noite para o dia. Por isso, é necessário se fortalecer e aprender a aceitar que existem coisas na vida sobre as quais não temos controle. Para fazer isso, pode ser útil focar na redescoberta de pequenas alegrias diárias, mesmo quando estiver em casa.

image: Pixabay

3. O estresse não desaparece com maus hábitos

Comer ou beber demais, não se mexer, negligenciar a si mesmo ou ficar irritado com facilidade: você não precisa disso para lidar com um momento de estresse e notícias desanimadoras. É prejudicial à saúde psicofísica e para aquela de outras pessoas. Por isso, é melhor canalizar nossas preocupações para passatempos divertidos e produtivos e paixões que possam nos tranquilizar. Meditação, atividade física, leitura: descobriremos que, mesmo em casa, muitas coisas podem ser feitas!

4. Reconhecer que estamos ansiosos e não nos expormos demais às notícias

É absolutamente normal, em um momento como este, ter medo da evolução das coisas. Estresse e medo são reações justificadas, mesmo a partir da sucessão de notícias que parecem piorar a cada dia. Ser informado é correto, mas é melhor não ser "dominado" pelas notícias: assim você corre o risco de se encontrar em um estado mental ainda mais preocupado. Então, vamos escolher fontes de notícias confiáveis ​​e evitar consultá-las compulsivamente.

Advertisement
image: PickPik

5. Voltar as nossas energias para ajudar os outros e permanecemos fortes para nossos entes queridos

Nunca foi tão importante se sentir parte de uma única comunidade. Embora a epidemia de Coronavírus nos mantenha materialmente distante, temos muitas ferramentas para fazer com que nossos parentes ou amigos se sintam próximos a nós. De fato, essa pode ser apenas a oportunidade de fazer o bem e cuidar - como talvez não possamos fazer em condições normais - das pessoas que amamos.

6. É necessário algum sacrifício para ajudar a todos

Você não precisa se envolver demais com ansiedade, medo ou estresse, porque nossa rotina diária mudou. Os sacrifícios que estamos fazendo agora serão úteis para ajudar outras pessoas no futuro: vamos ter isso em mente, porque certamente é algo que pode nos dar coragem. O medo não deve guiar nossas vidas.

7. Se nos senti4mos ansiosos demais, é bom procurarmos ajuda

Não há razão para ter vergonha de procurar ajuda profissional. Afinal, psicólogos e psiquiatras estão aqui para isso. Em um momento delicado como o que estamos vivenciando, ter conselhos e apoio moral se torna fundamental, principalmente se nos sentirmos particularmente sobrecarregados pelo estresse e pelo medo.

8. Vamos confiar na nossa força

O coronavírus é apenas o mais recente dos muitos desafios que a humanidade enfrentou durante sua história milenar. Comparada com o passado, a ciência avançou bastante e, agora mais do que nunca, é necessário ter confiança nas habilidades de tantas mentes brilhantes que, atualmente, estão trabalhando dia e noite para encontrar uma solução. Nós vamos sair dessa, com certeza: enquanto isso, vamos tentar gerenciar melhor nossas vidas diárias! Por nós e pelos outros.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado