Uma bailarina com Alzheimer ouve as notas do "Lago dos Cisnes" e se lembra da coreografia após 60 anos - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Uma bailarina com Alzheimer ouve as…
Fez uma vaquinha para conseguir comprar de volta o carro de seu falecido pai, mas um homem lhe deu as chaves do veículo e disse: 18 pessoas que quiseram mostrar sua incrível transformação de patinhos feios em lindos cisnes

Uma bailarina com Alzheimer ouve as notas do "Lago dos Cisnes" e se lembra da coreografia após 60 anos

Por Roberta Freitas
601
Advertisement

Uma vida dedicada à música e à dança e não conseguir recordar nada daqueles extraordinários momentos de sucesso e satisfação pessoal. Quase. Na verdade, a bailarina espanhola Marta Gonzalez sofria há muito tempo de Alzheimer, uma doença neurodegenerativa que estava tirando a sua memória e a sua percepção de si mesma e da realidade que a cercava ano após ano. No entanto, antes de morrer em 2019, uma música familiar despertou suas memórias.

via: Classic FM

Marta Gonzalez faleceu em uma casa de repouso em Valência em 2019, mas um vídeo comovente de alguns meses antes foi compartilhado pela Associação Musica Para Despertar, uma instituição de caridade que usa a música para encorajar memórias e melhorar o humor de pacientes que sofrem de Alzheimer.

O vídeo da instituição beneficente, que apareceu no YouTube, mostra um voluntário que, munido de fones de ouvido, coloca para ela no celular a mais famosa melodia do Lago dos Cisnes de Tchaikovsky, música que a remete de imediato a 1967, quando Marta era uma primeira bailarina do prestigioso New York Ballet.

No vídeo, a bailarina idosa do asilo de repente parece se lembrar de todos os passos do balé clássico, um balé que ela executou com perfeição na década de 1960 em Nova York. Um momento de despertar emocional e cognitivo que terminou com os aplausos gerais da sala onde Marta se encontrava. A associação de caridade que permitiu este momento extraordinário disse: "Uma bailarina será sempre uma bailarina... a emoção de florescer, ouvir, sentir e voar junto com uma das músicas da sua vida".

A musicoterapia é uma das terapias cognitivas de maior sucesso se aplicada a pacientes com doença degenerativa de Alzheimer, e este momento comovente que teve Marta Gonzalez como protagonista é a prova extraordinária!

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado