Menino órfão foi adotado por um pai solteiro: 21 anos depois ele é um atleta que compete nas Olimpíadas - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Menino órfão foi adotado por um pai…
Policial compra uma pizza e compartilha com uma sem-teto: a foto se torna viral Viaja pelos Estados Unidos em seu carro na companhia do cachorro que resgatou da rua: são inseparáveis

Menino órfão foi adotado por um pai solteiro: 21 anos depois ele é um atleta que compete nas Olimpíadas

28 Julho 2021 • Por Roberta Freitas
4.426
Advertisement

Muitos casais optam por adotar, em vez de conceber naturalmente seus filhos. Dependendo dos países em que residem, o processo de adoção pode ser mais ou menos difícil, mas em qualquer caso, é uma jornada longa e cansativa para ambas as partes. Nos anos 90, então, era ainda mais difícil adotar uma criança se você fosse solteiro e, além disso, homossexual. Jerry Windle, no entanto, sempre sonhou em ser pai e um dia, após ler um artigo sobre um pai solteiro, perguntou sobre suas possibilidades de adoção. Jerry conseguiu adotar Jordan, uma criança cambojana que perdeu seus pais quando tinha apenas 1 ano de idade, salvando-o de um orfanato. O pequeno Jordan não estava na melhor forma quando desembarcou nos Estados Unidos com seu pai adotivo, mas o carinho e o amor de Jerry o trouxeram de volta. Hoje, depois de 21 anos, ele compete nas Olimpíadas de Tóquio, representando os Estados Unidos.

via: Today

Jordan acabou em um orfanato após a morte trágica e prematura de seus pais; quando Jerry o adotou, o menino tinha apenas 18 meses e precisava absolutamente de cuidados médicos: sofria de desnutrição, sarna, várias infecções e parasitas intestinais. Jerry o levou consigo e deu o melhor de si, oferecendo a ele todos os cuidados necessários e todo o amor de um pai. Jordan se recuperou e começou sua nova vida nos Estados Unidos, país pelo qual, 21 anos depois, disputaria um dos maiores e mais importantes eventos esportivos de todos os tempos - as Olimpíadas.

As habilidades esportivas de Jordan surgiram quando ele ainda era criança e frequentava os acampamentos de verão. O menino havia demonstrado que era muito dotado para a prática de esportes, principalmente para as atividades aquáticas e, portanto, não é de se estranhar que, com o passar dos anos, tenha se tornado um atleta profissional. Papai Jerry o encorajou imediatamente, inscrevendo o filho em cursos e competições nacionais.

Advertisement

Vinte e um anos após aquele primeiro encontro com o pai Jerry, Jordan compete nas Olimpíadas de Tóquio, representando os Estados Unidos na equipe de mergulho. É uma pena que seu pai não possa estar fisicamente presente entre o público, devido às rígidas restrições anti-Covid, mas ele afirmou que está sempre com ele com seu coração. Jordan tem muito orgulho de seu pai: "Geralmente consigo ouvi-lo na plateia, o que é ótimo. Não tê-lo nas Olimpíadas será diferente. Queria que ele estivesse lá comigo, mas isso não muda o que estou indo fazer". E Jerry sabe como este evento esportivo é importante para seu filho e ele não poderia estar mais orgulhoso dele.

Em 2011, Jordan e seu pai compartilharam outro marco importante juntos, ou seja, a publicação de um livro autobiográfico intitulado "An Orphan No More: The True Story of a Boy" - uma obra criada com o objetivo de divulgar uma história linda e positiva de uma criança órfã que, graças ao amor de um pai adotivo, conseguiu encontrar o seu caminho, assim como a felicidade.

Jordan é muito grato pelo apoio e amor de seu pai por todos esses anos: "Ele é tudo para mim. Eu não estaria aqui se não fosse por ele, seu amor e apoio. Ele está sempre ao meu lado. Ele sempre me liga. Eu faria qualquer coisa por ele, e tenho certeza que ele faria o mesmo por mim".

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado