Dão a um cão paralisado o seu último passeio à beira-mar em uma caminha móvel - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Dão a um cão paralisado o seu último…
No dia do casamento, o noivo se propõe como pai adotivo das filhas de sua noiva: uma cena emocionante Não amamentava o filho há algum tempo, mas descobre que a sogra o fazia secretamente: a mãe fica furiosa

Dão a um cão paralisado o seu último passeio à beira-mar em uma caminha móvel

07 Outubro 2021 • Por Roberta Freitas
2.145
Advertisement

Um animal de estimação é muito mais do que companhia: depois de anos passados ​​lado a lado, se torna um amigo inseparável, um membro extra da família com quem tivemos o prazer de passear, comer e até conversar! Não é de se admirar, então, que o momento da separação seja sempre um pouco trágico e doloroso. Quer seja um gato ou um cão, não importa - é o amor que nos liga a eles que conta. E é por isso que, quando ouvimos que nossos animais de estimação estão se aproximando do fim de seus dias, procuramos dar a eles todo o conforto possível e imaginável. Jamais desejaríamos que eles se encontrassem completamente sozinhos em seus últimos momentos. Por isso, Gianna Serena Manfredi, voluntária de um grupo de resgate de cães chamado "Qua la zampa", quis dar um belo último momento a Heart, um doce pastor alemão paralisado há muito tempo.

Sabemos que os Pastores Alemães sofrem muito com patologias relacionadas à medula espinhal e muitas vezes correm o risco de ficar com as patas traseiras paralisadas. Esta é a mielopatia degenerativa, que pode comprometer completamente a funcionalidade dos membros posteriores do cão. Infelizmente, esse foi exatamente o triste fim que gradualmente conheceu Heart, um doce e amável cachorrinho, que foi abandonado por sua família após uma mudança. Quem o encontrou na rua, sem poder se mexer, avisou imediatamente o grupo de resgate de cães "Qua la zampa" para ajudar o cão. Felizmente, a intervenção voluntária foi oportuna e Heart sobreviveu. A doença, porém, não lhe permitiu resistir por muito tempo: em pouco tempo, suas patas dianteiras ficaram completamente paralisadas e, aos poucos, o resto do corpo também.

Heart é o nome que lhe deram, simbolizando seu coração partido depois de ter sido abandonado. Felizmente, o animal viveu no abrigo por um ano inteiro, em meio aos abraços e carinho dos voluntários. Gianna Serena Manfredi, então, queria dar ao cachorrão um último momento de paz e serenidade em frente ao mar. A mulher o levou para um passeio à beira-mar, graças a uma cama móvel desenvolvida especificamente para esse tipo de situação. “Queria que ele se sentisse amado”, comentou a mulher, dedicada ao bem-estar dos amigos de quatro patas.

Advertisement

Assim, os últimos momentos de Heart, o cachorro de grande coração, foram em frente às ondas do mar. Um momento comovente, mas também um momento feliz por dar ao cão uma última chance: “Foi um momento muito calmo e feliz para o Heart. Por algumas horas foi capaz de esquecer a dor que sentia por aqueles que não o amavam, ou pelo fato de não poder mais correr como os outros cães e de estar aprisionado em seu próprio corpo. Dei a ele água fresca para que pudesse sentir o cheiro da liberdade”, concluiu Gianna, visivelmente emocionada.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado