As crianças que se sentem amadas viram adultos que sabem amar - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
As crianças que se sentem amadas viram…
A relação entre os avós e os netos é um tesouro precioso que deve ser guardado para sempre Nada é como antes quando perdemos nossos pais

As crianças que se sentem amadas viram adultos que sabem amar

7.308
Advertisement

Nossa capacidade de amar depende do ambiente emocional em que passamos os primeiros anos de vida. É precisamente durante a infância que criamos um mapa conceitual entre mente e corpo que afetará nossa capacidade de amar e experimentar emoções.

O que nos rodeia durante a infância deixará uma marca que durará toda a vida e da qual dependerá nossa capacidade de criar laços emocionais e sociais. E isso se aplica acima de tudo à capacidade de amar e ser amado.

O afeto demonstrado pelos pais aumenta a autoestima da criança e promove o desenvolvimento de uma personalidade harmoniosa. Através do amor, os pais transmitem como administrar medos, promovendo a capacidade adaptativa da criança para lidar com várias emoções.

Perceber isso nos faz entender a importância de amar nossos filhos e educá-los para o respeito, a empatia, a gestão da raiva, adaptabilidade, autoconfiança.

Como criar uma criança feliz

image: Unsplash

A personalidade de uma criança é baseada em processos inatos, presentes desde o nascimento. Esses padrões biológicos podem ou não ser apropriados, de modo que um ambiente emocional positivo se torna ainda mais importante para o desenvolvimento emocional saudável da criança. Conexões neuronais saudáveis são moldadas através do amor e da educação emocional.

Por exemplo, se uma criança tímida é cercada por adultos que a protegem excessivamente, em virtude de sua própria timidez, ela não será capaz de superar medos e não aprenderá a lidar com as emoções.

image: Unsplash

O adulto deve, então, promover um desenvolvimento psicológico e emocional saudável da criança. Aqui estão algumas dicas:

  • Ensine as crianças a falar sobre suas emoções para entender e compreender a si mesmas e aos outros. Junto com as palavras, é importante também ensinar a compreender o significado de todos os elementos que formam a comunicação não-verbal, como postura, expressões faciais, tom de voz.
  • Para promover a autoestima da criança, não confie apenas em elogios. Prêmios e elogios são positivos somente se resultarem de resultados específicos e da aquisição de novas habilidades.
  • Os pais ensinam muito através do seu exemplo. E sabemos com que frequência os adultos estão estressados. O estresse é prejudicial para a criança, mas é um elemento da vida com o qual temos que lidar. Em vez de superprotegê-los, ensine-os a lidar com as dificuldades fisiológicas do ambiente em que vivem e a se adaptarem a ele.

Educar as crianças, tanto para os pais quanto para todos os parentes ou educadores envolvidos, é muito complexo e as variáveis ​​são muitas. Mas podemos dizer que: se as crianças se sentem amadas - não mimadas - é muito provável que elas tendam a ser pessoas capazes de amar, por sua vez.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado