Se as crianças são cheias de energia, significa que são felizes - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Se as crianças são cheias de energia,…
A morte de um animal doméstico faz tanto mal quanto a morte de uma pessoa que gostamos, diz a psicologia Adeus a

Se as crianças são cheias de energia, significa que são felizes

956
Advertisement

O mundo dos pequenos é uma dimensão fascinante, uma realidade que muda enquanto o indivíduo cresce e constrói sua própria personalidade. A personalidade de cada criança é formada através da exploração, das experiências, das pequenas e grandes realizações de cada dia. Dessa forma, informação e conhecimento são consolidados, confirmações e autonomia são adquiridas, em poucas palavras, torna-se grande. Como podemos entender se nossos filhos também são felizes?

image: pixabay

A resposta pode ser mais simples do que você acredita. O barulho, os gritinhos, a festa que fazem são quase sempre sinal de boa saúde e manifestação de alegria. As crianças não têm filtros, por isso expressam o seu eu interior de forma explosiva e sem recuar. Se há algo errado, eles choram ou fazem barulho, se está tudo bem, eles riem, gritam e falam alto.

Uma criança que não tem medo de manifestar suas emoções é certamente saudável e está no caminho certo para se tornar um adulto equilibrado, longe de ser reprimida. É sabido que as crianças têm o hábito de falar, cantar, murmurar e produzir sons por si mesmas, mesmo quando ninguém as observa.

Esta é a sua maneira de se testar, encontrando serenidade, se acalmando, liberando tensão e experimentando. Uma criança que descobre a autonomia de produzir sua própria voz frequentemente o faz porque daí deriva a satisfação do controle.

Ser ativo, portanto, é bom, mas deve-se ter cuidado ao se tornar "hiperativo", isto é, ser expansivo não é mais um sinal de felicidade, mas apenas inquietação, devido à incapacidade de administrar as próprias energias. A esse respeito, é sempre bom observar seu filho interagir com os outros e se comportar sozinho, para ver se algo está errado.

Advertisement
image: ashton/Flickr

A conexão entre o ruído e a alegria não exclui que até as crianças mais tranquilas estejam igualmente satisfeitas e saudáveis. Os últimos simplesmente têm outro temperamento e outro modo de transmitir o que sentem e pensam. 

Há uma linha tênue entre o bem-estar e o desconforto, condições que podem coincidir e se manifestar de maneira muito semelhante. Assim, uma criança silenciosa pode ser feliz e introvertida, uma criança barulhenta pode ser ao mesmo tempo serena e agitada. Cabe aos pais, em primeiro lugar, e aos educadores, a tarefa de detectar os problemas e enfrentá-los pela raiz, em benefício dos pequenos.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
09 Fevereiro 2014
5.670
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado