6 sinais que podem indicar uma carência afetiva nas crianças - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
6 sinais que podem indicar uma carência…
Corajoso e muito impulsivo: quem nasceu sob o signo de Leão não conhece meio termo Estava arriscando chegar tarde no baile

6 sinais que podem indicar uma carência afetiva nas crianças

Por Roberta Freitas
5.438
Advertisement

Para crescer saudável, forte e confiante em suas habilidades, as crianças devem receber a quantidade certa de carinho em casa durante a infância. Deve-se considerar que uma criança precisa de carinhos, beijos e abraços de cada um de seus pais - é a única maneira de garantir a ele o desenvolvimento de uma personalidade segura e promover a maturação do cérebro. Mas e se todo esse carinho estiver faltando? Bem, imagine que você não recebe mais nenhuma forma de afeto das pessoas que mais ama na vida e depois se coloque no lugar de uma criança que não recebe carinho suficiente dos pais. Você vai entender o quão mal uma criança pode se sentir com isso.

Quais são os sinais de carência afetiva nas crianças?

image: Pexels

Desobediência. Crianças com deficiências emocionais tendem a desobedecer para garantir que sempre fiquem no centro das atenções. Se você notou mudanças repentinas de humor, choro exagerado ou ataques de raiva em público, provavelmente poderia ser um comportamento adotado pela criança para exigir mais atenção.

Agressividade. Como pai, você precisa considerar seus filhos mesmo quando estão com raiva e adotam uma atitude agressiva. A chave para resolver essas situações desagradáveis é ouvir: sempre ouça o que seus filhos têm a dizer.

Insegurança. Quando não existem gestos e palavras de carinho, a autoestima também começa a falhar e, consequentemente, a criança começa a se sentir mais insegura. A insegurança leva a muitos problemas, que se arrastam para a vida adulta e que levam a criança a estar sempre na defensiva.

image: Pexels

Medo. Se a deficiência emocional persistir durante a infância e não for tratada da maneira correta, mesmo na idade adulta, o indivíduo em questão se encontrará com muitos problemas, principalmente no que diz respeito ao estabelecimento de relacionamentos. Sem o carinho certo, as crianças crescem com o medo do abandono, um medo difícil de equilibrar sem a ajuda de um psicólogo.

Baixo desempenho acadêmico. Os distúrbios de aprendizagem são outros sinais claros de que algo está errado com a família. Quando a criança está apática e não tem a motivação certa para fazer sua lição de casa, é um sinal para os psicólogos que se fala de uma deficiência emocional. As crianças que mostram esses sinais tendem a reprimir suas emoções e negar qualquer forma de afeto às pessoas ao seu redor.

Dependência dos dispositivos eletrônicos. Quando a criança depende do tablet, celular ou televisão, com a permissão da mãe e do pai, passa um tempo considerável em uma bolha tecnológica na qual há uma profunda falta de interações humanas. Melhor não distrair seus filhos com esses truques modernos: como bons pais, sempre escolham o caminho da comunicação.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado