Um jovem casal corre o risco de passar a noite no frio, mas um morador de rua oferece sua ajuda - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Um jovem casal corre o risco de passar…
Adota um filhote de lobo que foi abandonado pela mãe: agora elas são inseparáveis O momento fugaz: 20 fotos tiradas exatamente um segundo antes de um desastre anunciado

Um jovem casal corre o risco de passar a noite no frio, mas um morador de rua oferece sua ajuda

14 Junho 2021 • Por Roberta Freitas
2.335
Advertisement

Muitas vezes e de boa vontade, são exatamente as pessoas que mais sofreram que não hesitam em estender a mão àqueles que mais precisam. A razão? Quem já sofreu ou sempre se viu em situação desconfortável sabe como é e, por isso, também sabe ajudar, pois é exatamente o que gostaria de receber também, quando precisasse. A história que estamos prestes a contar é sobre isso.

Dois jovens de vinte e poucos anos voltavam para casa depois de passar uma longa noite juntos; os namorados, porém, não pensaram no horário: o metrô já estava fechado e eles teriam que esperar pelo menos mais 4 horas. Nem é preciso dizer que a noite estava muito fria. A menina ficou assustada com a ideia de ter que passar uma noite no frio, mas naquele momento uma alma gentil interveio para ajudá-los.

Charlotte Ellis e seu namorado Taylor Waldon, ambos de 22 anos, estavam voltando para casa depois de uma longa noite em Covent Garden, Londres. Os dois, jovens e despreocupados, não perceberam que haviam exagerado um pouco com os horários e quando apareceram na frente da estação do metrô, os portões já estavam fechados. Para pegar o primeiro trem da manhã e voltar para casa, os dois teriam que esperar pelo menos mais quatro horas; esperar por todo aquele tempo no frio gélido de janeiro não era exatamente a melhor coisa e os dois jovens começaram a ficar com medo. Alguém, no entanto, notou seu desconforto e, por trás das costas de Charlotte, uma voz perguntou: "Quer que eu lhe empreste meu edredom?". Era um jovem sem-teto quem falava, que sabia o que significava dormir ao ar livre.

Charlotte, para falar a verdade, aceitou imediatamente a oferta daquele homem gentil, embora seu namorado não estivesse muito convencido. Ela mesma afirmou então que não poderia deixar aquele homem sozinho, no frio, depois daquela gentileza: "Ninguém merece ficar fora de noite naquelas condições. Mas você deve acabar confiando em alguém?". O sem-teto chamado "Joey" compartilhou de bom grado o pouco que tinha para ajudar dois estranhos em perigo. Naturalmente, Charlotte e Taylor queriam retribuir a boa ação e o convidaram para ir até a casa deles, para tomar um banho, fazer a barba, comer e dormir em um lugar quente. Joey inicialmente recusou toda aquela ajuda, mas então Taylor disse a ele que se ele não se juntasse aos dois, ele não levaria a garota para casa.

Advertisement

Charlotte estava inicialmente preocupada que sua mãe pudesse ficar brava por levar um estranho para casa, mas para ser honesta, toda sua família e amigos adoraram a presença de Joey e descobriram por que Taylor e Charlotte tinham feito aquele gesto. Joey, com a ajuda dos dois garotos, se recompôs, se tornou um de seus melhores amigos e conseguiu um emprego. Tudo isso mostra que algumas pessoas só precisam de ajuda para resolver seus conflitos e que nunca devemos julgar um "sem-teto" sem antes conhecer a sua história.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado