Os casais felizes tendem a engordar mais que os que têm problemas: é o que revela um estudo - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Os casais felizes tendem a engordar…
Prescrevia a quimioterapia para pacientes saudáveis: um médico recebe uma sentença exemplar Algumas tatuagens espetaculares que transformaram cicatrizes em pequenas obras de arte

Os casais felizes tendem a engordar mais que os que têm problemas: é o que revela um estudo

4.956
Advertisement

Todos sabemos que uma das maneiras infalíveis de conquistar o coração de alguém é passando pelo estômago! Se a boa cozinha sempre foi uma ferramenta para ganhar a atenção do parceiro, também é verdade que, em geral, comer juntos é um dos melhores momentos da vida de casal. 

Mas se torna-se o momento principal da relação, então há um risco para o casal: afinal, a comida nos liga, mas também nos engorda quando é demais. Existe uma relação entre o amor verdadeiro e a gordura? Esses estudos parecem dizer sim.

A Universidade de Queensland, na Austrália, realizou um estudo com 6.459 mulheres com idades entre 20 e 30 anos, casadas ou em um relacionamento sério: eles descobriram que haviam engordado entre 4 e 5 kg em média.

Essa propensão à "engordar " foi registrada também entre os homens. A Southern Methodist University of Dallas acompanhou 169 casais por mais de 4 anos, obtendo os mesmos resultados. A Universidade de Nova York havia notado que não havia diferença entre homens e mulheres quando o assunto era ganhar peso em um relacionamento.

Parece, portanto, que as pessoas em um relacionamento amoroso satisfatório e sério estão inclinadas a engordar: o denominador comum seria, portanto, um bom relacionamento.
Os casais felizes ganham peso ao longo dos anos, ao contrário daqueles que mostram sinais de incompatibilidade e que têm problemas.

A explicação parece bastante simples: casais felizes adoram passar tempo juntos de uma forma relaxante, mesmo na intimidade de casa, curtindo um filme ou conversando durante as refeições, em vez de se dedicarem a atividades físicas solitárias. Portanto, hábitos mais ociosos que levariam ao maior consumo de alimentos. Eles também se presenteiam com coisas gulosas como chocolates ebolos para celebrar as ocasiões especiais.

Compartilhar o ganho de peso, seria, portanto, um bom sintoma - mas não deveria ser usado como justificativa para negligenciar a atividade física indispensável. Afinal, até um esporte praticado juntos une o casal. :)
 
 
Tags: ComidaPsicologiaAmor
Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado