Vamos parar de beijar os recém-nascidos: um simples beijos pode ser muito perigoso - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Vamos parar de beijar os recém-nascidos:…
Levem os seus filhos para visitarem os museus: despertem neles a alegria da descoberta Cuidado com as piscinas de bolinhas: um estudo alerta os pais sobre os riscos invisíveis

Vamos parar de beijar os recém-nascidos: um simples beijos pode ser muito perigoso

Por Roberta Freitas
1.266
Advertisement

Os recém-nascidos são coisa mais bela que a vida pode nos oferecer, e quando os seguramos com força em nossos braços, não podemos deixar de beijá-los e dar-lhes todo o nosso carinho. Na realidade, porém, devemos ir devagar com os beijos, porque o sistema imunológico de um bebê ainda é muito fraco e, portanto, menos protegido contra vírus e bactérias do que os adultos. Os beijos são, na verdade, uma das principais formas de espalhar doenças para crianças: gripe, herpes, etc. Para um recém-nascido, elas representam sérias ameaças à sua saúde.

A American Pediatric Association não usa meios termos para descrever o nível de alarmismo e cuidado que é necessário ter com os recém-nascidos: herpes, para um adulto, significa uma marca no lábio, talvez, e um pouco de desconforto, enquanto para um recém-nascido pode significar sérios problemas de saúde. Alguns casos sérios, no passado, levaram vários casais a divulgar sua própria história, a fim de sensibilizar outras pessoas desavisadas sobre o assunto. Parece inofensivo beijar um recém-nascido, mas devemos ser muito cuidadosos e pensar duas vezes antes de fazê-lo. Da mesma forma, deve-se sempre lavar as mãos antes de pegar uma criança muito pequena.

Os sinais óbvios que sugerem que seu filho pode ter herpes são: erupções cutâneas, febre, olhos e pálpebras irritados no primeiro mês de vida, perda de apetite, glândulas inflamadas e erupções cutâneas nos lábios.

Por mais difícil que seja, vamos evitar beijar os recém-nascidos, tantar sempre lavar as mãos e, se somos pais de uma criança muito pequena, evitamos visitar pessoas doentes. Porque até a avó, que ama o neto, poderia, sem saber, transmitir herpes ou alguma outra doença.

Tags: CriançasÚteisSaúde
Advertisement

Deixe um comentário!

x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado