A "limpeza energética" da casa, uma técnica para recuperar bem-estar e serenidade - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
A "limpeza energética" da casa, uma…
Você se arrepia quando ouve a sua música favorita? Veja o que isso revela sobre você Veja 7 vantagens de caminhar na chuva: a nossa mente irá agradecer

A "limpeza energética" da casa, uma técnica para recuperar bem-estar e serenidade

1.097
Advertisement

A casa não é apenas o lugar onde você mora quando não trabalha ou onde vai dormir no final de um dia, mas é o lugar de intimidade e privacidade, um refúgio onde você se sente protegido, relaxado e à vontade.

Às vezes, no entanto, acontece de perceber as paredes do lar como uma prisão, mas tudo isso é uma pura projeção do estado interno de cada um. O modo como a pessoa cuida do lar reflete a relação consigo mesma e, da mesma forma, o ambiente influencia o equilíbrio psicofísico.

via: Vogue

Parafraseando um antigo provérbio, pode-se dizer "mente sadia em um lar saudável". Mudar "por dentro" é certamente um processo mais elaborado, complexo e introspectivo, então há uma estratégia mais simples para melhorar o humor, mudando o que está "fora". Essa técnica é chamada de "limpeza de energia", e se trata de colocar a própria casa em ordem de uma maneira simples. 

O mesmo ato de limpar e arrumar todos os cantos da casa tem um efeito terapêutico, porque ao mesmo tempo a ordem também é criada na cabeça. À medida que você tenta organizar seu espaço de forma mais eficiente, o cérebro trabalha em segundo plano. O mesmo resultado ocorre quando alguém joga fora o que não é mais necessário ou quando se livra de objetos inúteis, o que, em certo sentido, cria uma espécie de dependência e repetição esquemática.

Outro elemento útil na reorganização da casa é mudar a ordem do mobiliário, criando uma atmosfera de renovação e, ao mesmo tempo, quebrando hábitos. Também é excelente jogar com cores vivazes nas paredes, para estimular a alegria e o bem-estar.

O fundamental é não "trapacear", ou seja, não se limitar à limpeza de superfícies, deixando, por exemplo, armários ou gavetas em desordem. Dessa forma, só brincamos com nós mesmos e não nos aproveitamos do efeito positivo que uma reestruturação real pode ter no corpo e na mente.

No final desse trabalho você certamente se sentirá cansado, mas igualmente satisfeito por ter recuperado eficiência e lucidez. Um pouco de caos às vezes não faz mal, pelo contrário, pode ser bom para estimular a imaginação e a criatividade, mas não deve tornar-se crônico e estagnado, pois arrisca bloquear o fluxo de energia, gerando apatia, ansiedade e depressão.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado