Ser maníaco por limpeza pode ser prejudicial à saúde: é o que sugere um estudo científico - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
Ser maníaco por limpeza pode ser prejudicial…
A assistente do bar desta escola incentiva os alunos escrevendo mensagens positivas nas bananas da cantina Um casal que perdeu o emprego canta e toca na rua para alimentar seu filho recém-nascido

Ser maníaco por limpeza pode ser prejudicial à saúde: é o que sugere um estudo científico

Por Roberta Freitas
1.111
Advertisement

Ter uma casa completamente limpa e brilhante é o sonho de todos; a limpeza dos ambientes em que vivemos é um elemento essencial da vida, que nos faz aproveitar melhor nosso "habitat" dentro de nossas paredes e nos dá uma sensação de relaxamento, ordem e paz interior. No entanto, existem pessoas que levam muito a sério a limpeza de suas casas e passam grande parte do tempo removendo até as manchas mais invisíveis, expondo indiretamente seu sistema imunológico a diferentes tipos de detergente.

image: Pexels

De fato, alguns produtos de limpeza podem causar mais danos do que benefícios à nossa saúde, porque nosso sistema imunológico precisa de exposição a germes e bactérias para se fortalecer. Limpar demais tende a enfraquecer nossa resposta imune ao ambiente externo devido a uma combinação de produtos químicos agressivos e a falta de bactérias no ambiente. Todos os elementos foram analisados ​​por uma equipe de pesquisadores noruegueses que estudaram produtos de limpeza doméstica para ver como eles afetaram a função pulmonar das pessoas e publicaram seus resultados no American Journal of Respiratory and Critical Care Medicine.

O estudo acompanhou aproximadamente 6.000 mulheres ao longo de 20 anos e examinou como os produtos de limpeza podem afetar a saúde respiratória por um longo período, incluindo obstrução das vias aéreas e declínio da função pulmonar. O resultado médio do estudo realizado revelou que, nas 6.000 mulheres que foram seguidas, a limpeza apenas uma vez por semana durante 20 anos causou sérios danos aos pulmões, enquanto as pessoas que limpavam profissionalmente sofreram danos nos pulmões semelhantes aos que fumam um maço de cigarros por dia por 10 a 20 anos.

Além disso, essa equipe de pesquisadores também apontou que alguns dos ingredientes contidos nos produtos para limpeza dos ambientes (detergentes, sprays, alvejantes) podem levar a resultados negativos para os organismos mais expostos a ele: insuficiência do sistema imunológico, inflamação das mucosas e danos permanentes às células e tecidos das vias aéreas.

Uma das soluções mais práticas que o estudo sugere adotar para minimizar a exposição ao nosso corpo é comprar menos detergentes e escolher aqueles em que todos os ingredientes estão listados, tentar não usar muito detergente em spray e possivelmente borrifá-los em um pano para diminuir a exposição a gotículas; além disso, use panos de microfibra para tirar o pó ou limpar as superfícies da casa em vez de apenas lenços.

Tags: CiênciaCuriosos
Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado