A quem não dá valor a sua presença, dê a sua ausência - OlhaQueVideo.com.br
x
Utilizando este site, você aceita o modo no qual utilizamos os cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais Ok
x
A quem não dá valor a sua presença,…
Os 10 sinais de alarme que indicam um relacionamento abusivo e que muitas pessoas ignoram Quem tem luz própria incomoda quem vive na escuridão

A quem não dá valor a sua presença, dê a sua ausência

3.005
Advertisement

A gente só dá valor para as coisas quando as perdemos - esta é uma expressão bastante comum e retórica que, no entanto, contém em si mesma uma verdade inegável. Na maioria dos casos, as pessoas tendem a tomar como certo o que possuem, especialmente quando se trata de relacionamentos. Mas quando você está no lugar de alguém que não recebe amor, gratidão ou afeto suficientes, você deve aprender a se proteger, a romper esse vínculo tóxico.

image: pexels

Em um relacionamento, não se pode simplesmente dar sem receber. Não é uma questão de justiça ou de "equilibrar os sentimentos", mas vale para a própria saúde psicofísica. Não receber o suficiente do parceiro acaba minando a autoestima, a autoconfiança e o bem-estar geral. Sentir-se ignorado é muito ruim, porque desvaloriza tudo o que você dá, tudo que você é quando está junto com alguém.

Você pode lutar enquanto valer a pena, até quando acreditar que o amor pode ser salvo, mas não se a pessoa que você ama está apenas fisicamente próxima, mas com o coração e a mente longe. Dedicar-se a um ente querido é legal apenas enquanto houver uma troca contínua e correspondência emocional, mas nunca se deve ir tão longe a ponto de negligenciar ou esquecer de si mesmo. 

O amor próprio é a primeira forma de amor, a mais importante e duradoura, porque vivemos juntos com nós mesmos por toda a nossa vida. Então vem o momento de reagir à indiferença com a ausência, afastando-se daqueles que se afastaram. Dessa forma, podemos parar esse processo de deterioração interna que está nos matando lentamente.

Advertisement

Dar a nossa ausência a alguém que não nos dá a sua presença é uma escolha necessária, mas não indolor. Mas se trata da última chance de se salvar e de dar a ambos a oportunidade de recomeçar suas vidas.

Escrever uma carta, colocar no papel tudo o que se quer dizer a essa pessoa e depois rasgá-la, pode ser algo bom, que simbolicamente nos liberta desses sentimentos. O último passo é perdoar, esquecer e seguir em frente, desatar o nó com o qual somos amarrado àquela âncora e ressurgir novamente na superfície para respirar.

Advertisement

Deixe um comentário!

Advertisement
Advertisement
x

Por favor, faça o login para carregar o vídeo

Cadastre-se com Facebook com 2 simples cliques!
(Usamos Facebook somente para que o registro seja mais rápido e NÃO iremos postar nada no seu mural)

Acesse com Facebook

Quer mais coisas como essa?

Curta e não perca os melhores da internet!

×

Já sou fã, obrigado